DiscoverBendita Sois Vós
Bendita Sois Vós
Claim Ownership

Bendita Sois Vós

Author: Vós

Subscribed: 14Played: 129
Share

Description

A ideia por trás do Bendita Sois Vós é discutir política e sociedade de uma forma provocadora, como todo o conteúdo do Vós. Haverá entrevistas, debates entre a equipe do portal, reportagens e muita experimentação com novos formatos e linguagens.
31 Episodes
Reverse
No Bendita Sois Vós desta semana, censura e atraso. Enquanto o governo federal corta mais de 5mil bolsas de pesquisa de pós-graduação, o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella - não sozinho - censura livros com temática LGBT sob o argumento de proteção às crianças.Bolsonaro e seus asseclas não gostam de livros, pesquisa ou conhecimento. Participam os jornalistas Geórgia Santos, Flávia Cunha, Igor Natusch e Tércio Saccol. A edição é da jornalista Evelin Argenta. No quadro Sobre Nós, a diretora Raquel Grabauska traz a palavra de Cassandra Rios, a escritora mais censurada do Brasil.
Nesta semana, discutimos a negligência do governo federal com relação às queimadas na Amazônia e a crise internacional  que deriva dos constantes equívocos - para não dizer outra coisa - do presidente Jair Bolsonaro. Ele chegou ao cúmulo de endossar uma piada sobre a aparência da primeira-dama francesa. O presidente da França, Emanuel Macron, disse que espera que os brasileiros tenham logo um presidente à altura do cargo.Para compreender melhor esse panorama, conversamos com o analista de política internacional da Rádio CBN e colunista do Estadão, o jornalista Lourival Sant'Anna.Participam os jornalistas Geórgia Santos, Igor Natusch, e Tércio Saccol. Na trilha, Aluga-se, de Raul Seixas.
Como não conseguimos ficar uma semana sem falar do governo de Jair Bolsonaro - porque ele simplesmente não deixa - O Bendita Sois Vós desta semana discute liberdade de imprensa. Mais especificamente a cruzada contra os jornalistas no Brasil - e no mundo. Por aqui, o caso mais emblemático é a perseguição aos jornalistas do The Intercept Brasil após a publicação das reportagens da VazaJato. Por isso, conversamos com o editor-executivo do TIB, o jornalista Leandro Demori. Jair Bolsonaro chegou a insinuar que o jornalista Glenn Greenwald, também do The Intercept Brasil, poderia ser preso. Mas o porta-voz do governo, general Otávio do Rego Barros, confrontado pelo repórter Guilherme Maziero, do Uol, não soube dizer qual crime Glenn Greenwald cometeu.Para debater o assunto participam os jornalistas Geórgia Santos, Flávia Cunha, Tercio Saccol e Igor Natusch. Na trilha, Vence na Vida Quem diz Sim, com Chico Buarque e Nara Leão.
No episódio seis da segunda temporada do Bendita Sois Vós, os jornalistas Geórgia Santos, Flávia Cunha, Igor Natusch e Tércio Saccol discutem a narrativa do desmatamento. A forma como o governo de Jair Bolsonaro lida com a questão do meio ambiente tem repercussões não apenas na questão da sustentabilidade, mas também na economia e política internacional. Dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais mostram que o desmatamento da Amazônia cresceu 88% e junho deste ano em comparação com o mesmo mês do ano passado. Em julho, o desmatamento cresceu 278% em relação ao mesmo mês em 2018. E a resposta de Bolsonaro? Além de demitir o diretor do INPE, Ricardo Galvão, fez piadinhas e disse que é o “capitão motosserra”. Na década de 70, os músicos Sá e Guarabyra já perguntavam na canção Sobradinho, que é trilha desse episódio, se o sertão vai virar mar. “Dá no coração, o medo que algum dia o mar também vire sertão.”
No episódio cinco da segunda temporada do Bendita Sois Vós, os jornalistas Geórgia Santos, Flávia Cunha e Igor Natusch discutem a normalização do absurdo. O debate acontece a partir das declarações mentirosas e preconceituosas do presidente Jair Bolsonaro que, entre outras coisas, mentiu que a jornalista Miriam Leitão era guerrilheira; disse que a Ancine precisa de filtro; chamou os governadores nordestinos de "paraíbas", de forma pejorativa; afirmou que ninguém passa fome no Brasil; e ainda relativizou o trabalho infantil.No Sobre Nós, com direção de Raquel Grabauska, as palavras da escritora Carolina de Jesus sobre a fome em reprodução de um episódio da temporada passada.
No episódio desta semana do Bendita Sois Vós, a jornalista Geórgia Santos conversa com os também jornalistas Flávia Cunha, Igor Natusch e Tércio Saccol sobre Democracia em Vertigem, o documentário de Petra Costa sobre a escalada da crise política brasileira..Mais do que uma análise da produção, há um debate sobre os erros e acertos da cineasta no que tange aos fatos que levaram ao impeachment de Dilma Rousseff, a prisão de Luiz Inácio Lula da Silva, e a eleição de Jair Bolsonaro.Também em pauta está o documentário Brasil em Transe, do jornalista Kennedy Alencar para a BBC. Uma produção que se propõe a explicar os anos que antecedem o atual momento do Brasil. No Sobre Nós, Raquel Grabauska e Juçara Gaspar interpretam o poema Traduzir-se, de Ferreira Gullar, do livro Na Vertigem do Dia.
Bendita Sois Vós S02E03 | Seis meses de Bolsonaro by Vós
No segundo episódio da segunda temporada do Bendita Sois Vós, o tema é a criminalização da homofobia e da transfobia pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Afinal, nem só de Vazajato vive o Brasil - embora novas revelações sejam publicadas pelo The Intercept Brasil a cada semana. Por oito votos a três, os ministros do STF consideraram que atos preconceituosos contra homossexuais e transexuais devem ser enquadrados no crime de racismo. A pauta vinha sendo debatida desde fevereiro deste ano, quando o relator, Ministro Celso de Mello, deu parecer favorável à causa. Os jornalistas Geórgia Santos, Flávia Cunha, Igor Natusch e Tércio Saccol discutem os méritos e controvérsias da questão que, inclusive, não foi bem recebida por Jair Bolsonaro. O presidente do Brasil acredita que é preciso um ministro evangélico na corte. Além do debate, um teste do Buzzfeed para medir o nosso conhecimento sobre novo entendimento da lei. No quadro Sobre Nós, Raquel Grabauska traz uma adaptação do texto Garopaba Mon Amour, de Caio Fernando Abreu. Um retrato da violência decorrente do pensamento torpe e moralizador que insiste em perseguir homossexuais no Brasil e no mundo.
O primeiro episódio da segunda temporada do Bendita Sois Vós trata do mais recente escândalo da política brasileira. No domingo nove de junho, o Brasil foi surpreendido pelo que agora conhecemos por Vazajato. O The Intercept Brasil publicou uma série de reportagens que desnudam a Operação Lava Jato e mostram uma colaboração não permitida entre procuradores do Ministério Público Federal (MPF) e o então juiz Sérgio Moro. A operação baseada na Mãos Limpas se mostrou suja.Além do debate entre os jornalistas Geórgia Santos, Igor Natusch e Tércio Saccol, o depoimento do jornalista Alexandre de Santi, um dos editores do The Intercept Brasil. No Sobre Nós, Raquel Grabauska dirige a tradução de um trecho da famosa entrevista que o jornalista britânico David Frost realizou com o ex-presidente dos Estados Unidos Richard Nixon. Uma forma de lembrar a importância do bom jornalismo - que pode derrubar presidentes.
Nesta semana, o assunto não poderia ser outro a não ser o assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes, ocorrido há um ano. Na noite de 14 de março de 2018, a ativista e vereadora pelo PSOL foi morta a tiros no Rio de Janeiro. Marielle nasceu e foi criada na favela da Maré no Rio de Janeiro. Tinha 38 anos de idade, atuava há mais de dez anos na defesa dos direitos humanos, das mulheres e jovens negros, de moradores de favelas e pelo direito de pessoas LGBT. Marielle também era combativa na denúncia de execuções extrajudiciais e outras violações cometidas por policiais e milicianos. Nesta semana, um ano depois de sua morte, algumas respostas.Na terça-feira, dia 12, a polícia civil do Rio de Janeiro prendeu dois suspeitos de participarem do assassinato da vereadora. O policial militar reformado Ronnie Lessa e o ex-policial militar Élcio Vieira de Queiroz. Ambos negam participação no crime. Mas segundo a denúncia, Lessa teria disparado os tiros e Queiroz dirigido o carro que interceptou Marielle. É um avanço, mas, como disse o delegado Giniton Lages, da Delegacia de Homicídios, nada está encerrado.Por isso, a nossa pergunta é: quem mandou matar Marielle?Mas o Bendita Sois Vós desta semana será diferente, não vamos nos propor a responder à pergunta como é de praxe. Acreditamos, ainda, na seriedade da investigação e que cabe às autoridades essa reposta. Verdade que as prisões trouxeram à baila uma série de informações gravíssimas que mostram uma proximidade suspeita com uma série de pessoas importantes no contexto da política nacional. Mas nesta semana nós não vamos discutir ou debater ou conjecturar. Vamos ouvir. Vamos ouvir a irmã de Marielle, Anielle Franco.
loading
Comments 
loading
Download from Google Play
Download from App Store