DiscoverDurma com essa
Durma com essa

Durma com essa

Author: Nexo Jornal

Subscribed: 413,041Played: 3,684,705
Share

Description

Este é o 'Durma com essa', podcast de notícias do Nexo, um jornal digital para quem busca explicações precisas e interpretações equilibradas sobre os principais fatos do Brasil e do mundo. De segunda a quinta, o programa traz para você a notícia mais instigante do dia. E que pode continuar a ecoar por aí.
200 Episodes
Reverse
O chileno Maurício Norambuena deve ser extraditado para o Chile, conforma informou nesta segunda-feira (19) a colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S.Paulo. Preso desde 2002, o guerrilheiro de extrema esquerda participou de crimes como o assassinato de um senador em seu país natal e o sequestro de Washington Olivetto em São Paulo. Ouça no “Durma com essa” as histórias que cercam Norambuena e relembre outras extradições levadas adiante pelo governo Jair Bolsonaro.
O projeto do abuso de autoridade. O medo da recessão global. As mortes em ações policiais no rio. E maisLinks para os textos citados:A definição de abuso de autoridade aprovada no CongressoLink para a matéria: https://www.nexojornal.com.br/expresso/2019/08/15/A-defini%C3%A7%C3%A3o-de-abuso-de-autoridade-aprovada-no-CongressoO que muda com a MP da Liberdade Econômica aprovada na Câmara Link para a matéria: https://www.nexojornal.com.br/expresso/2019/08/14/O-que-muda-com-a-MP-da-Liberdade-Econ%C3%B4mica-aprovada-na-C%C3%A2maraOs matizes do desemprego. E a precariedade das novas vagasLink para a matéria: https://www.nexojornal.com.br/podcast/2019/08/15/Os-matizes-do-desemprego.-E-a-precariedade-das-novas-vagasQuais os riscos de recessão global. E os efeitos no BrasilLink para a matéria: https://www.nexojornal.com.br/expresso/2019/08/16/Quais-os-riscos-de-recess%C3%A3o-global.-E-os-efeitos-no-BrasilAs novas medidas econômicas de Macri. E a corrida pela eleição Link para a matéria: https://www.nexojornal.com.br/expresso/2019/08/14/As-novas-medidas-econ%C3%B4micas-de-Macri.-E-a-corrida-pela-elei%C3%A7%C3%A3oPor que a Alemanha desistiu do Fundo AmazôniaLink para a matéria: https://www.nexojornal.com.br/expresso/2019/08/12/Por-que-a-Alemanha-desistiu-do-fundo-da-Amaz%C3%B4nia30 anos de desmatamento da Amazônia, em mapas e gráficosLink para o material: https://www.nexojornal.com.br/grafico/2019/08/15/30-anos-de-desmatamento-da-Amaz%C3%B4nia-em-mapas-e-gr%C3%A1ficosOs 6 jovens mortos em 5 dias no Rio. E o temor das ações policiaisLink para a matéria: https://www.nexojornal.com.br/grafico/2019/08/15/30-anos-de-desmatamento-da-Amaz%C3%B4nia-em-mapas-e-gr%C3%A1ficos
A taxa de desemprego ora desce um pouco, ora sobe um pouco. O cenário é não melhora de forma significativa em 2019. Em alguns aspectos, piora. A quantidade de pessoas que busca trabalho há mais de dois anos cresce. A quantidade de pessoas que desiste de buscar uma ocupação, também. E como anda a qualidade do emprego de quem tem trabalho hoje no Brasil? Dados do segundo trimestre registrados pela Pnad Contínua (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) e divulgados nesta quinta-feira (15) trazem detalhes da crise do trabalho pela qual passa o pais. Ouça nesta edição do “Durma com essa”:
O estado de São Paulo vive um surto de sarampo em 2019, depois de quatro anos sem registrar casos da doença. O Rio de Janeiro e a Bahia também tiveram moradores afetados pelo vírus, e em 2018 Amazonas e Roraima tiveram centenas de ocorrências, dois anos depois de a Organização Mundial de Saúde considerar a doença erradicada no país. Não é só no Brasil que a incidência do sarampo aumenta: em 2019, o mundo registrou o maior número de casos desde 2006. Pobreza, guerra, despreocupação e até movimentos antivacina ajudam a explicar o momento. Ouça em mais um episódio do "Durma com essa":
O PSL de Jair Bolsonaro decidiu nesta terça-feira (13) expulsar Alexandre Frota. A justificativa é que o deputado federal mostra “infidelidade” ao fazer críticas abertas ao presidente e aos colegas de Câmara. Esta edição do “Durma com essa” mostra a chegada do ex-ator à política, seu papel na área cultural do governo, seus movimentos na reforma da Previdência e seus atritos internos no partido. Também relembra a história do PSL e mostra que Frota não é seu único foco de crise. Ouça:
Não é “apenas para combater corrupção”. Não pode ser “xiita ambiental”. Não pode atrapalhar o andamento de obras públicas. Não pode “supervalorizar” as minorias. Não pode ter estrelismo. Essas restrições ao perfil do futuro procurador-geral da República impostas por Jair Bolsonaro, repetidas nesta segunda-feira (12) a jornalistas. O presidente deve escolher o substituto de Raquel Dodge nos próximos dias. O “Durma com essa” traz um histórico de quem ocupou o cargo e como ele se tornou cada vez mais relevante nos rumos dos país. Ouça:
Extratos da semana | 09.ago.19

Extratos da semana | 09.ago.19

2019-08-0900:05:1311

A aprovação em segundo turno da reforma da Previdência. A transferência suspensa de Lula de Curitiba. Os ataques em massa nos EUA. E maisLinks para os textos citados:O caminho da reforma da Previdência no Congresso NacionalLink para matéria: https://www.nexojornal.com.br/grafico/2019/05/28/O-caminho-da-reforma-da-Previd%C3%AAncia-no-Congresso-NacionalFHC, Lula e Bolsonaro: o tempo para mudar a PrevidênciaLink para matéria: https://www.nexojornal.com.br/expresso/2019/08/07/FHC-Lula-e-Bolsonaro-o-tempo-para-mudar-a-Previd%C3%AAnciaQual o volume de emendas liberadas na aprovação da reformaLink para matéria: https://www.nexojornal.com.br/expresso/2019/08/08/Qual-o-volume-de-emendas-liberadas-na-aprova%C3%A7%C3%A3o-da-reformaA ordem para transferir Lula. E a decisão do STF de barrá-laLink para matéria: https://www.nexojornal.com.br/expresso/2019/08/07/A-ordem-para-transferir-Lula.-E-a-decis%C3%A3o-do-STF-de-barr%C3%A1-laUm passo a passo para ler os dados do Inpe sobre desmateLink para matéria: https://www.nexojornal.com.br/expresso/2019/08/07/Um-passo-a-passo-para-ler-os-dados-do-Inpe-sobre-desmateO que há de novo no discurso de Trump sobre ataques em massaLink para matéria: https://www.nexojornal.com.br/expresso/2019/08/06/O-que-h%C3%A1-de-novo-no-discurso-de-Trump-sobre-ataques-em-massa
A taxa de inflação em julho foi de 0,19% – a menor para esse mês desde 2014, segundo o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo). E no acumulado dos últimos 12 meses, a taxa de alta de preços no Brasil foi de 3,22%, abaixo da meta estipulada pelo governo. O dado foi divulgado nesta quinta-feira (8) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Esta edição do “Durma com essa” explica como essa taxa é calculada. E por que a inflação está controlada hoje no país. Ouça:
Luiz Eduardo Soares revelou a tentativa de Wilson Witzel de bloquear um debate sobre segurança pública. O evento, cujo tema é o mais recente livro do antropólogo, “Desmilitarizar”, está marcado para dia 13 de agosto em Brasília na Procuradoria-Geral da República. Num áudio enviado a grupos de PMs, o governador do Rio atacou o debate e ameaçou os procuradores envolvidos. O episódio veio à tona na segunda-feira (5) e vem repercutindo desde então. Ele levanta questões sobre liberdade de expressão e põe mais uma vez em evidência o estilo de Witzel, um governante que coleciona declarações e ações condenadas por entidades de direitos humanos. Ouça:
Sessenta países se reuniram nesta terça-feira (6) em Lima, no Peru, para discutir soluções para a crise na Venezuela. O Brasil foi um dos participantes. A reunião ocorre no dia seguinte ao anúncio feito pelos Estados Unidos de que os bens do país controlado por Nicolás Maduro serão bloqueados em território norte-americano. Este “Durma com essa” recupera o histórico de pressões internas e externas contra o governo de Maduro. Ouça:
loading
Comments (319)

Silas Torres

O cara acha que é imperador.

Aug 16th
Reply

Bruna Diniz

Culpa do Bolsonaro

Aug 16th
Reply

Jennifer Arabella

Bruna Diniz 🤔

Aug 16th
Reply

Miguel Camelo

essa "vaga de emprego" aparentemente é só pra sentar na cadeira e concordar com o que o Governo quer...lista pra que, capacidade? basta concordar com o digníssimo que tá tudo certo, tá ok?

Aug 14th
Reply

Miguel Camelo

e a maior farsa são os produtos que diminuem a porção, seja um pacote de biscoitos, chocolate, cerveja, sabão em pó, ate gelatina, diminuem o peso de seus produtos e os vendem pelo mesmo valor que anteriormente, para tempos depois subirem o preço, só que dessa vez contendo menos que a versão anterior.

Aug 12th
Reply

Miguel Camelo

Ricardo Pereira aquele clássico, "nova fórmula, 800g=1kg" então porque o valor não cai já que seus custos de produção diminuíram?

Aug 14th
Reply

Ricardo Pereira

Miguel Camelo Costumo dizer que toda vez que mudam embalagem, ou é pq mudaram fórmula pra algo mais barato pior qualidade ou menor quantidade de produto. Já que mudam a fórmula e peso, aproveitam pra dar um UP no visual e atualizar a embalagem.

Aug 12th
Reply

Araújo's

Prático e conciso!

Aug 10th
Reply

Herlon da Veiga

Aqui no trampo e num espacinho de tempo escutar e se informando com o belo jornalismo do Nexo.

Aug 9th
Reply

John Myeller Thompson

DURMA (depois desperte) COM ESSA Senhores até quando viveremos de farsas e mentiras? O melhor termômetro inflacionário que existe é o bolso do consumidor. O melhor analista é o cidadão que vai às feiras, supermercados e quita as despesas de sua residência. Em suma, TUDO que for elencado nos últimos 12 meses obteve reajuste bem acima da inflação declarada pelo IBGE. Claro que o "tomate" teve uma boa deflação porque chegou ao estratosféricos R$ 12,00 o kilo entre maio/junho 2019. Teve que baixar e, mesmo assim, está por volta dos R$ 8,00. Valor bem acima da média de R$ 3,00 praticada em abril 2019. Assim é tudo que se imaginar: pastel, pizza, açougue, combustível, água, energia elétrica, pedágio etc,...etc... Como se não bastasse, temos a cartelização das escolas, dos planos de saúde, das indústrias farmacêuticas, entre tantos outros. Tanto eu, como qualquer brasileiro, sabemos que a inflação real, aquela medida no dia-a-dia, ultrapassou 8% nos últimos 12 meses. Os "VERDADEIROS PRODUTORES" quer seja o agricultor ou o assalariado, são os únicos desprotegidos, "chupando o dedo" e arcando o prejuízo. Entra governo, sai governo, troca-se partidos e esta rançada fórmula prevalece se perpetuando como um cancro econômico onde esfacela-se o PODER DE COMPRA dos assalariados e, consequentemente, cauteriza a procura de bens/serviços e paralelamente dizimando a produção/empregos em um eterno loop infinito. Assim, reprimindo a economia, qualquer colegial consegue a proeza de segurar a inflação e deixar o país em recessão. Por favor, acreditem: Analogamente é como trocar uma cédula de R$ 5,00 dilacerada por uma de R$ 2,00 em bom estado e ainda achar que fêz um ótimo negócio. (seria econômico se não fosse inflacionário)!...hehêhehê Enfim, já dizia a minha avó: "menino, saco vazio não para em pé!"... e eu acrescento: " mentiras não sustentam uma nação". Vida longa para este ótimo podcast! Abraços! JM

Aug 9th
Reply

Mário Takazaki

John Myeller Thompson Deve-se fazer cuidado em não confundir conceitos. A inflação é o resultado da soma de médias ponderadas de valores obtidos de diversos itens. Alguns desses valores são os preços de produtos como o feijão preto no Rio em determinado dia do mês. Outros itens não nos atingem no dia-a-dia. Acho que seria exemplos se referem ao custo de vida, que é outro conceito. Mas o uso político dos índices inflacionados é condenável, sim.

Aug 12th
Reply

Herlon da Veiga

John Myeller Thompson perfeito amigo! e ano que vem vamos retornar aquele momento da decada de 90 com os funcionarios com maquininhas portáteis mudando o preço nas gôndolas o dia todo! de manhã a caixa de mate ta um preço a tarde outro e a noite nem tem mais no estoque. Infelizmente nao só voltaremos ao neoliberalismo do FHC como será na sua forna mais profunda pelo Guedes.

Aug 9th
Reply

Bruna Diniz

Não pode atirar em bandido armado gente

Aug 9th
Reply

Samuel Anderson

Bruna Diniz :)

Aug 9th
Reply

Leandro Carvalho

Coitado do RJ...

Aug 8th
Reply

Gabriel Biazon

difícil dormir com essa... a censura está escancarada no nosso país

Aug 8th
Reply

plank

Vetar debate público é censura e perseguição, cala a boca já morreu

Aug 8th
Reply

Eva Crystal

muito bom!

Aug 6th
Reply

plank

Assustador

Aug 1st
Reply

Bruna Diniz

a edição do programa esta estranha há um tempo

Jul 31st
Reply

Daysiane Martiniano

Bruna Diniz verdade

Aug 7th
Reply

Yves Jenkins

Bruna Diniz :)

Jul 31st
Reply

Lucas Vinicius

obrigado pessoal, o trabalho de vocês é incrível.

Jul 30th
Reply

Penelope Mitzi

Quando achei que não podia sentir mais nojo desse energúmeno, ele ainda consegue me surpreender. A única coisa que falta é ele dar um tiro em alguém aos olhos de todos, como o pai do Collor. E não vai dar em nada.

Jul 30th
Reply

Joao Pedro

Muito infeliz essa declaração do presidente Bolsonaro.

Jul 29th
Reply

Adriana Araujo

link https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/06/01/%C3%89-justo-o-projeto-do-governo-para-a-reforma-da-Previd%C3%AAncia

Jul 22nd
Reply

Miguel Camelo

uma vergonha ver, assim como aconteceu na Flip, esse ataque contra autores e jornalistas "contrários ao pensamento atual", como se a maioria sequer realmente lê ou escuta o que eles dizem. Muito mais fácil comentários ofensivos sobre algo que não se quer entender, pois essa cegueira pode existir em qualquer lado, mas politica virou o esporte número um no Brasil, e igual ao futebol, quem não entende, simplesmente acha que o outro lado é o inimigo.

Jul 21st
Reply

Miguel Camelo

difícil dormir com essa com tanta canalhice em uma semana só...vergonha essa passagem de pano em tanta coisa errada, se fosse do outro lado, panelaco já tava rolando, masss

Jul 21st
Reply
loading
Download from Google Play
Download from App Store