DiscoverIlustríssima Conversa
Ilustríssima Conversa
Claim Ownership

Ilustríssima Conversa

Author: Folha de S.Paulo

Subscribed: 8,116Played: 155,752
Share

Description

A equipe de jornalistas da Ilustríssima, da Folha, entrevista autores de livros de não ficção ou de pesquisas acadêmicas.
70 Episodes
Reverse
A convidada do primeiro episódio do ano do Ilustríssima Conversa, podcast da Folha em parceria com o Itaú Cultural, é Ilona Szabó, autora de “A Defesa do Espaço Cívico”. No livro, a especialista em segurança pública narra como se tornou alvo de uma das primeiras campanhas de ódio na internet do governo Bolsonaro, quando o presidente exigiu que a sua nomeação para um conselho do ministério então comandado por Sergio Moro fosse suspensa. Com base nessa experiência, Szabó discute as estratégias de governantes populistas e autoritários para minar a democracia e as particularidades do caso brasileiro, que convive com milícias e tem um longo histórico de violência policial. Para a autora, a militarização do governo e a politização das polícias faz com que a situação atual do país se assemelhe ao que aconteceu na Venezuela. See omnystudio.com/listener for privacy information.
No último episódio do ano, o Ilustríssima Conversa, podcast da Folha em parceria com o Itaú Cultural, recebe o escritor e historiador Luiz Antonio Simas, que acaba de lançar, em coautoria com Luiz Rufino e Rafael Haddock-Lobo, o livro “Arruaças: uma Filosofia Popular Brasileira”. A obra explora a ideia de que a filosofia se reinventa no cruzamento cotidiano dos saberes populares do país —nas ruas, nos estádios, nos terreiros, no Carnaval— produzindo uma brasilidade que recria perspectivas de vida, mas só consegue se afirmar nas brechas do Brasil institucional. Na conversa com o repórter Eduardo Sombini, o escritor tratou, entre outros assuntos, do significado da rua na formação da cultura do país e das trajetórias opostas do futebol e do samba ao longo do século 20. See omnystudio.com/listener for privacy information.
O cineasta Rodrigo Astiz e o médico psiquiatra Sergio Perocco falam sobre a estreia do documentário “Existir e Resistir: O Desafio da Depressão”, que narra a história de seis personagens em busca de tratamento e de aceitação. O filme mostra que a depressão afeta pessoas de todas as idades, classes sociais, sexo e profissão e dos tabus que ainda envolvem a doença. See omnystudio.com/listener for privacy information.
A convidada desta semana do Ilustríssima Conversa, podcast da Folha em parceria com o Itaú Cultural, é a jornalista Malu Gaspar, que acaba de lançar o livro “A Organização”, que narra a trajetória da Odebrecht, das origens na Bahia na década de 1940 à derrocada com o avanço da Operação Lava Jato. Na conversa com o repórter Eduardo Sombini, Malu Gaspar destrinchou as práticas empresariais da companhia, que tratavam os governantes como os clientes que deveriam sempre estar satisfeitos, e abordou a guerra aberta entre Emílio, filho do fundador da Odebrecht, e o seu herdeiro Marcelo, que assumiu o comando do conglomerado em 2009 e ficou dois anos e meio preso. See omnystudio.com/listener for privacy information.
O episódio desta semana do Ilustríssima Conversa, podcast da Folha em parceria com o Itaú Cultural, discute o pensamento de Lélia Gonzalez (1935-1994), uma das mais importantes intelectuais negras brasileiras. O repórter Eduardo Sombini recebe Flavia Rios, professora de sociologia da UFF (Universidade Federal Fluminense) e coorganizadora, com Márcia Lima, da coletânea “Por um Feminismo Afro-latino-americano” (Zahar), que reúne, pela primeira vez, a maior parte da vasta produção intelectual de Lélia Gonzalez. Na conversa, Flavia Rios discutiu os principais marcos da vida de Lélia Gonzalez, as interpretações da autora sobre a formação da cultura brasileira, que recorriam à psicanálise e sublinhavam a importância do universo simbólico africano, e o legado do pensamento de Gonzalez ao feminismo negro e às lutas antirracistas no Brasil e na América Latina. See omnystudio.com/listener for privacy information.
O novo episódio do Ilustríssima Conversa, podcast da Folha em parceria com o Itaú Cultural, conversa com o editor Pedro Vasquez, responsável pela obra de Clarice Lispector na editora Rocco. Ele comenta o livro "Todas as Cartas", que reúne a correspondência escrita por Clarice ao longo de quase quatro décadas, de 1940 até 1977, ano de sua morte. A coletânea reúne 284 cartas, quase 50 delas inéditas em livro. O ponto alto é o conjunto de cartas enviadas a outros escritores renomados, como João Cabral de Melo Neto, Fernando Sabino, Rubem Braga e Paulo Mendes Campos, entre outros. See omnystudio.com/listener for privacy information.
Nesta semana, o Ilustríssima Conversa, podcast da Folha em parceria com o Itaú Cultural, recebe Karla Monteiro, autora de “Samuel Wainer, o Homem que Estava Lá”. Fundador da Última Hora, que revolucionou o jornalismo na década de 1950, Wainer levantou a bandeira de que os jornais deveriam ter lado —e nunca tentou esconder o seu, enraizado nos ideais do trabalhismo e do nacionalismo que Getúlio Vargas encarnava. Na conversa com o repórter Eduardo Sombini, a autora tratou da intimidade do jornalista com o poder e das críticas que sofreu ao longo da vida. Para ela, Wainer foi atacado por ser um outsider na imprensa e desafiar, com um veículo à esquerda, a história única que se via nos jornais da época. See omnystudio.com/listener for privacy information.
O novo episódio do Ilustríssima Conversa, podcast da Folha em parceria com o Itaú Cultural, analisa a vitória de Jair Bolsonaro nas eleição presidencial de 2018.  O convidado é o cientista político Jairo Nicolau, que está lançando o livro “O Brasil Dobrou à Direita", pela editora Zahar. See omnystudio.com/listener for privacy information.
O novo episódio do Ilustríssima Conversa, podcast da Folha em parceria com o Itaú Cultural, trata dos reflexos incontornáveis da pandemia do novo coronavírus sobre a economia, o trabalho e as relações internacionais. O convidado é o jornalista Vinicius Torres Freire, colunista da Folha, que está lançando o livro “Três Pragas do Vírus” pela editora Todavia. A necessidade de ampliar gastos de governos e Bancos Centrais para fazer frente à emergência da crise deixou claro que medidas tidas como “impensáveis” por economistas ortodoxos tornaram-se perfeitamente pensáveis. "Adotar medidas que não estavam no manual tornou-se possível”, diz o entrevistado. See omnystudio.com/listener for privacy information.
O episódio desta semana trata da história das ideias sobre a democracia no Brasil. O repórter Eduardo Sombini recebe Newton Bignotto, professor de filosofia da UFMG e autor de “O Brasil à Procura da Democracia”. O autor discute os entraves à superação do passado colonial e escravista do país e o pensamento de intelectuais que refletiram sobre as possibilidades de democratização do Brasil. Ele também comenta a conjuntura política atual: em sua avaliação, grupos de pressão lutam para impor suas demandas particulares ao conjunto da sociedade, levando à degradação das instituições democráticas e colocando em risco a República. See omnystudio.com/listener for privacy information.
No episódio desta semana, o repórter Eduardo Sombini conversa com Muryatan Barbosa, professor da Universidade Federal do ABC e autor do livro “A Razão Africana” (Todavia), que apresenta uma síntese da história do pensamento africano contemporâneo. O autor discute as heranças do colonialismo europeu na formação das ideias sobre a África, a persistência do racismo e a trajetória das propostas de desenvolvimento autônomo e integração das nações do continente. See omnystudio.com/listener for privacy information.
O convidado do novo episódio do podcast é Júlio Delmanto, doutor pela USP e autor do livro "História Social do LSD no Brasil”. Na conversa com o repórter Eduardo Sombini, o autor aborda o papel do LSD nos movimentos de contracultura dos anos 1960, os efeitos da proibição das drogas nas últimas décadas e o atual ressurgimento do interesse pela substância por cientistas e usuários. O podcast volta ao ar com episódios inéditos em parceria com o Itaú Cultural. See omnystudio.com/listener for privacy information.
O Ilustríssima Conversa será interrompido até setembro, quando novos episódios voltarão a ser publicados normalmente. Nesse período, confira as mais de 50 entrevistas do acervo do podcast. See omnystudio.com/listener for privacy information.
Elena Brugioni, professora da Unicamp e autora do livro “Literaturas Africanas Comparadas” é a convidada desta semana do podcast. Na conversa com o repórter Eduardo Sombini, ela analisa como a ampliação do espaço das literaturas africanas nos circuitos editoriais globais vem sendo acompanhada, em diversos casos, da persistência de estereótipos sobre a África e de leituras reducionistas sobre o universo literário do continente. No final do episódio, ela indicou autores de países africanos com obras disponíveis no Brasil. Veja a lista: João Paulo Borges Coelho, 65, moçambicano Pepetela, 78, angolano Wole Soyinka, 85, nigeriano Tsitsi Dangarembga, 61, zimbabuana M. Coetzee, 80, sul-africano Doris Lessing (1919-2013), britânica, viveu por mais de duas décadas na Rodésia do Sul, atual Zimbábue Nadine Gordimer (1923-2014), sul-africana Naguib Mahfouz (1911-2006), egípcio Abdulai Sila, 62, guineense See omnystudio.com/listener for privacy information.
Marta Arretche, professora de ciência política da USP, é uma das organizadoras do livro “As Políticas da Política: Desigualdade e Inclusão nos Governos do PSDB e do PT” (Editora Unesp), que oferece um balanço das políticas sociais durante a Nova República. Na conversa com o repórter Eduardo Sombini, ela explica a combinação particular de medidas progressistas e privilégios tributários da elite. A pesquisadora também discute as perspectivas de desmonte de políticas sociais pelo presidente Jair Bolsonaro e de aumento da pobreza e da desigualdade durante a pandemia de coronavírus. See omnystudio.com/listener for privacy information.
SérgioAugusto, um dos ícones do jornalismo cultural brasileiro, publicou recentemente o livro “Vai Começar a Sessão” (Objetiva), reunião de ensaios sobre cinema que Sérgio Augusto publicou nos últimos 20 anos no jornal O Estado De S. Paulo.O livro leva o leitor a uma viagem saborosa pela história do cine, dos filmes mudos aos lançamentos recentes. Nas imagens criadas por cineastas genais, como Hitchcock, Renoir, Lubitch, Kubrick e Dino Risi, entre outros citados no livro, ele encontra um alívio para os tempos turbulentos que vivemos.Já com relação ao cinema recente, no qual predominam as adaptações de HQs, ele anda uma tanto desaminado. O cinema se infantilizou e perdeu seu encanto, diz. E seguirá um rumo incerto com o abalo na experiência coletiva de ver um filme, uma decorrência do fechamento das salas após a eclosão do coronavírus. See omnystudio.com/listener for privacy information.
No episódio desta semana, o repórter Eduardo Sombini conversa com o historiador Sidney Chalhoub, professor da Universidade Harvard e autor de "Cidade Febril: Cortiços e Epidemias na Corte Imperial" (Companhia das Letras). Chalhoub discute linhas de continuidade entre a saúde pública do Rio de Janeiro em meados do século 19 e a situação do Brasil de 2020, paralisado pela pandemia de coronavírus, e afirma que a estigmatização de negros e pobres perdura até hoje, fazendo com que se tornem mais vulneráveis à Covid-19. O historiador trata também de episódios de politização de epidemias no passado, como a resistência a medidas de quarentena. See omnystudio.com/listener for privacy information.
O podcast Ilustríssima Conversa fará uma pausa nos dois próximos sábados (11 e 18 de abril), em razão dos feriados da Páscoa e de Tiradentes (21), e voltará com entrevista inédita em 25 de abril. Até lá e um grande abraço a todos! See omnystudio.com/listener for privacy information.
No episódio desta semana do podcast Ilustríssima Conversa, a médica Rita Barradas Barata comenta as políticas de enfrentamento ao coronavírus. Autora de estudos sobre a histórias das epidemias, ela afirma que colocar a população inteira em quarentena não é a solução mais correta contra a atual pandemia da Covid-19 e defende um isolamento mais restrito, focado em grupos de risco, doentes e pessoas que tiveram contato com infectados.  Professora do departamento de saúde coletiva e epidemiologia da Faculdade de Medicina da Santa Casa, Rita compara o cenário atual a outros momentos de ameaça à saúde, como a gripe espanhola.  See omnystudio.com/listener for privacy information.
João Cezar de Castro Rocha, professor de literatura comparada da Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), comenta o legado intelectual de José Guilherme Merquior, diplomata e ensaísta que foi um dos principais símbolos do liberalismo no Brasil nos anos 1970 e 1980. Coordenador das reedições da obra do autor na editora É Realizações, Castro Rocha analisa o livro “O Argumento Liberal” (1983), que volta agora às livrarias, e aponta as diferenças do pensamento liberal de Merquior em relação às ideias em voga agora no Brasil. See omnystudio.com/listener for privacy information.
loading
Comments (94)

João Carlos Cembranel

Ótima entrevista! Estou indo comprar o livro. Parabéns !

Dec 12th
Reply

Paulo Lavigne

O programa voltou em agosto com um som bem melhor. Parabéns!

Sep 27th
Reply (2)

Paulo Lavigne

Por que o som é tão baixo?

Aug 7th
Reply

Cilene Jesus

Excelente abordagem e muito esclarecedora a conversa com Francisco Bosco.

Jul 19th
Reply

Cilene Jesus

muito bom o trabalho de pesquisa e quanta clareza nessa entrevista.

Jul 11th
Reply

Paulo Lavigne

Som baixo demais. Ninguém notou isso até agora?

Jul 2nd
Reply

Ana Luiza Prates

Poxa! Que pena! Até setembro. :)

Jun 27th
Reply

Leonardo

Excelente episódio. Deixou uma ótima impressão do livro.

Jun 21st
Reply

Paulo Lavigne

Gostei muito dessa entrevista. Entretanto, acho que o entrevistador deveria interagir um pouco mais com o entrevistado. O Sérgio Augusto contou histórias interessantíssimas que não tinham prosseguimento, pois o repórter já passava para a próxima pergunta. Talvez fosse o caso de escolher um entrevistador que soubesse mais sobre cinema. Fica a dica.

May 13th
Reply

Leilson Lucas

Não acredito que o cinema tenha perdido o encanto para quem gosta de ir ao cinema, apenas vejo que essa nostalgia da espera para um filme ou que filmes não deveriam ser vistos de qualquer jeito ou hora já não são tão importantes para a grande maioria do público, talvez pela vida corrida ou por comodismo mesmo.

May 12th
Reply

Paulo Marcos M. Lima

uma aula!! chamem-o muitas outras vezes. um verdadeiro copo d'água no deserto de ideias atual.

Apr 10th
Reply (1)

Sueli Aguiar

A posição dela me parece muito equivocada..... pelo que sabemos o maior problema no mundo é cuidar para que o sistema de saúde não entre em falência....

Apr 7th
Reply

Ju P

Essa senhora pode virar estatística a qualquer momento! Será que não percebeu?

Apr 6th
Reply

Guto

irresponsável e imoral esse episódio sobre quarentena. No momento em que o país tenta implementar as duras custas uma quarentena pra evitar o colapso do sistema de saúde a ilustríssima faz um episódio inteiramente dedicado a ir na contra-mão. Assim como o presidente, a ilustríssima se mostrou contraria as recomendações da OMS. A entrevistada reduz a gravidade da situação sem o entrevistador trazer nenhum contra ponto pro debate. Simplesmente aceita ela dizer "não entendo pra que tanto alvoroço"... deplorável. Se querem debater a eficiência da quarentena tragam pelo menos uma outra voz de oposição para haver confronto de idéias. Adorava o podcast, mas perderam um ouvinte.

Apr 2nd
Reply

Esqueca Me

olha, tolerava algumas insinuações do viés político liberal da produção desse podcast até então. Mas agora com essa imbecilidade se ficar colocando lucro de uns acima da vida do restante da população é dose. gostava muito do podcast, lamento que vocês desejam manipular informação para trazer mais pessoas para "convicção" de vcs q fazer o papel do jornalismo que é informar os fatos de forma ÉTICA.

Mar 31st
Reply (1)

Rafael Gondim

Essa senhora tá defendendo uma estratégia que já se mostrou desastrosa em outros países

Mar 28th
Reply (7)

Victor Hugo Soares

que locura de episódio... projeto totalitário do PT? ah sério...

Mar 14th
Reply

Gustavo Cruz

13min ver

Mar 13th
Reply

Vacamarela

Impressionante como descreve os ministros do Bonoro.

Mar 8th
Reply

Guilherme Pallerosi

Argumentos fracos, categorias estereotipadas, o próprio autor Se enquadra no "intelectual idiota" que nele descreve! Muito slogan,pouca reflexão quer vender livro

Mar 5th
Reply
Download from Google Play
Download from App Store