DescobrirNas Trincheiras
Nas Trincheiras
Claim Ownership

Nas Trincheiras

Autor: Rapha Avellar

Inscrito: 2,372Reproduzido: 55,504
compartilhar

Descrição

CEO Avellar & Host do Nas Trincheiras, fascinado por contar histórias e construir negócios.
395 Episodes
Reverse
No episódio de hoje eu trago pra vocês um trecho da minha participação da live da Secovi. Nele, vocês vão ver um pouco do meu ponto de vista sobre o panorama de marketing e estratégia de vendas no mundo atual em que vivemos. Fazer marketing direito em 2020 não é sobre vender produtos, é muito mais do que isso. O digital nos permitiu inúmeras oportunidades, mas inúmeras concorrências também. Então o marketing agressivo precisa estar atento aos diferenciais que realmente irão captar a atenção  do espectador ali dentro.
No episódio de hoje eu recebi o Dimitri Moreira, que é um cara que fechou seu restaurante por causa da pandemia, mas, apesar disso, não desistiu do ramo do empreendedorismo e já está começando um novo negócio. Nosso papo abordou uma questão hiper interessante, na minha visão, que é sobre uma estratégia de marketing que acredito que pouquíssimas pessoas usam, mas deveriam usar muito mais. É sobre fazer negócio sendo realmente parte daquilo. É sobre se envolver de verdade. Quer saber do que eu to falando? Vem conferir esse papo!
O ser humano é um ser sociável, então é impossível você bloquear todas as vozes de fora. O que você precisa fazer é ter muito claro na sua mente quais são os seus objetivos, porque quando fizer isso, você vai saber exatamente as opiniões que te acrescentam e as que não. Eu sei que por várias vezes, pessoas da família ou amigos próximos vão dizer para você não fazer alguma coisa porque se preocupam com você. O seu papel é entender de onde isso vem, mas você não pode e nem deve desistir dos seus sonhos por causa delas. Você já deixou de fazer algo que queria muito por causa de opinião alheia? Me deixa saber sobre isso!
Eu acho que as pessoas as vezes se confundem um pouco em suas estratégias de marketing. De verdade, o seu foco não deveria ser o algoritmo de cada plataforma. O seu foco deveria ser o que o seu consumidor quer. E aí, a partir disso, o algoritmo vira consequência. E eu acredito que a maneira mais genuína de fazer isso é entregando conteúdo que gere valor pra sua audiência. Então você tem uma tarefa que é realmente entender o seu público alvo e produzir realmente focado no que ele quer. Acho que isso é muito mais válido do que tentar “hackear” performances nas redes sociais. Pensa nisso!
A conversa de hoje do The CMO Playbook foi com a Fernanda Lobão, que é Co-founder & CEO da Final Level. Em sua carreira já passou por telecomunicações como na Oi e na Embratel, também passou pela Globosat e iniciou o seu foco em games e entretenimento na Go4it em 2015. Nosso papo teve justamente essa indústria dos games como foco principal, que é um tema 100% atual e move uma economia maior que música e cinema juntos. Giramos em torno de assuntos como cultura, oportunidade de comercialização, atenção do consumidor, dentre outros, que acho que valem super a pena serem conferidos, ainda mais caso queira entender melhor essa nova realidade em completa expansão. Este é apenas um highlight de um episódio muito maior!  Curtiu? Então cola lá na sua plataforma preferida e confira nosso Podcast na íntegra  ;) https://anchor.fm/cmo-playbook
Uma das paradas que mais me deixa feliz é poder compartilhar meus insights diariamente nas principais plataformas digitais. E um dos temas que sou fascinado em falar é estoicismo. Com o lançamento do Mente do Rapha, meu action/skill disponível no Google Assistant e para Alexa, ficou ainda mais fácil entender o que penso sobre estilo de vida. E por isso, todo domingo você vai poder conferir o que se passou na minha mente naquela semana. Espero do fundo do coração ajudar. Vamos juntos.
Eu aproveito cada segundo que eu tenho no meu dia, sem exceção. Acho que é por isso que muitos de vocês brincam que parece que meu dia tem mais horas. Eu tenho exatamente os mesmos 86.400 segundos que vocês tem. A diferença está no que eu faço com eles. Eu priorizo tudo que é mais importante na minha vida e ignoro absolutamente todo o resto. Não me faz feliz perder tempo com “distrações”. Então eu dedico esse meu tempo que seria perdido pro meu trabalho, pra minha família, pra construir em cima de novos sonhos. E é por isso que parece que minha vida acontece mais rápido. Você perde tempo com o que?
As pessoas já estão cansadas de saber que eu sou contra faculdade em alguns casos. Não me entendam errado, eu tenho completa noção de que ela ainda é necessária para algumas profissões. Em alguns casos porque ela realmente faz a diferença, em outros por simples burocracia. Mas, na boa, falando do mundo do empreendedorismo, eu não acredito que ficar sentado numa cadeira por 4 ou 5 anos vai te ensinar mais do que a prática. Tem coisas obrigatórias da grade curricular que não acrescentarão nada de importante na sua vida e é daí que vem essa minha crítica.
No episódio de hoje eu recebi o Rafael Catolé, que tem uma história super legal. Ele é um empreendedor que largou seu emprego na Ambev e é atual VP de marketing da Natural One. Nosso papo girou em torno de temas super fortes e interessantes como a criação de reputação de marca, a produção de conteúdo em escala com velocidade, a alavancagem e oportunidade que a internet nos dá e o impacto que geramos na vida de várias outras pessoas, mesmo com atitudes aparentemente pequenas.
Se você reclama tanto de segunda-feira, será que você realmente gosta do que faz? Eu acho que essa é uma provocação mega necessária pra você entender o lugar em que se encontra. Eu acho lunático você passar a maior parte do seu tempo se dedicando a uma atividade que não ressoa com você ou não te acrescenta em nada na sua vida. Se você passa a semana inteira esperando pelo fim de semana, talvez os seus 5 dias úteis não estejam sendo tão úteis assim. Já parou pra pensar nisso?
O episódio de hoje está absurdo, na minha opinião. Cada dia que passa, eu fico mais feliz de ver as perguntas que vocês me trazem, porque eu percebo que vocês também estão entendo tudo! Eu acredito que já está bem óbvio pra todo mundo que a principal fonte de formação de opinião, hoje em dia, está dentro do celular, principalmente nas redes sociais. Tendo isso em mente, você precisa entender que essas redes não só serão, como já são uma forma de avaliar e contratar os outros para alguma vaga, porque é ali que você vê, de certa forma, quem essas pessoas são. Além disso, outra provocação que eu acho hiper interessante que 2020 está trazendo com todas as forças é que os seres humanos são os mesmos, o que mudou foram os veículos. Nós todos temos necessidades, como nos entreter, nos relacionar e nos educar sempre. Nós só estamos nos adequando aos veículos de cada época. E isso é incrível.
No episódio de hoje do The CMO Playbook, eu recebi o André Felippa, atual CEO da Felippa Consulting e que já sentou na cadeira de presidente da Mondelez, já foi CMO da Alcatel e da Samsung, Vice-Presidente da Unilever, além de ter trabalhado na General Motors e na Mercedes. O André teve uma carreira ímpar no ramo do marketing e nos permitiu hoje ter uma conversa com vários assuntos dentro disso. Debatemos sobre carreira e empreendedorismo, inovações e previsibilidade, modelo ágil com foco no cliente e oferta e demanda de atenção das pessoas. Este é apenas um highlight de um episódio muito maior!  Curtiu? Então cola lá na sua plataforma preferida e confira nosso Podcast na íntegra  ;) https://anchor.fm/cmo-playbook
Uma das paradas que mais me deixa feliz é poder compartilhar meus insights diariamente nas principais plataformas digitais. E um dos temas que sou fascinado em falar é estoicismo. Com o lançamento do Mente do Rapha, meu action/skill disponível no Google Assistant e para Alexa, ficou ainda mais fácil entender o que penso sobre estilo de vida. E por isso, todo domingo você vai poder conferir o que se passou na minha mente naquela semana. Espero do fundo do coração ajudar. Vamos juntos.
Eu acredito que a gente vai viver uma reinvenção dos panoramas de entretenimento de mídia nos próximos anos. Os e-Sports, de certa forma, “copiam” a vida real, mas, ao mesmo tempo, estão nos ensinando muito sobre os caminhos que a tecnologia deve percorrer daqui pra frente. Não adianta tentar frear o consumidor, porque você vai ficar pra trás se fizer isso. Devemos aprender que é nosso dever correr atrás deles e nos posicionar onde quer que atenção deles esteja. É assim que se joga esse jogo. Pensa nisso.
Certas coisas não podem ser subjetivas, porque o seu ponto de vista muitas vezes não vai representar o da maioria. Por isso que a metodologia de testar e aprender é importante e eu tento usar diariamente dentro da empresa. Não precisa ter medo de errar e medo de fazer diferente. O importante é tentar ter velocidade o suficiente pra corrigir erros de forma rápida e aprender com eles. Porque é dessa maneira que você fica cada vez mais perto da direção certa.
No episódio de hoje eu recebi o Matheus Costa, que é dono de uma empresa de desenvolvimento de softwares para outras pequenas, médias e grandes empresas. Dentre outras coisas, debatemos sobre assuntos super interessantes, como a produção de conteúdo real para as redes sociais e o crescimento gradual em cima disso, sobre a possibilidade de explorar diversos formatos de conteúdo, atingindo um público maior e sobre criar relacionamentos através de ideias, construindo negócios a longo prazo.
Eu acho incrível observar a dinâmica das redes sociais e a capacidade de alcance que elas permitem. Hoje em dia é muito mais fácil e possível influenciar várias pessoas a sua volta, porque sua mensagem tem o potencial de atingir muito mais pessoas. Nesse sentido, usar esse fato a seu favor é a grande questão do marketing digital no século XXI. Precisamos, sempre, nos adaptar pra alcançar nossa audiência. Não da maneira que queremos, mas da maneira que esse público quer.
Eu admiro muito quem tem coragem de correr atrás dos seus sonhos independentemente da idade que tem. Às vezes a gente demora um pouco mais pra descobrir do que realmente gostamos, mas o que diferencia as pessoas são aquelas que tem a audácia de perseguir aquilo, em qualquer fase da vida. E no quesito negócios, eu sou fascinado pelo começo e acho que sempre vou ser. E sempre volto pro mesmo ponto, que é tudo sobre pessoas. Sobre valorizar a sua audiência, sobre estar na cabeça do seu público de uma forma que gere valor e sobre detalhes que fazem toda a diferença.
A conversa de hoje do The CMO Playbook foi com o Gabriel Domingos, que é o diretor de marketing e produtos B2B da Vivo e já está na empresa há 20 anos. Construiu uma história lá dentro, passando desde a área de engenharia até o marketing, acompanhando toda a evolução da telefonia nos últimos anos. Nosso papo girou em torno de temas como a importância da transformação digital para as empresas e como isso é percebido hoje em dia, principalmente com esse momento de pandemia. Também falamos sobre visão de longo prazo, papel do líder, e sobre constante reinvenção e equilíbrio pessoal, que são assuntos que me fascinam. Este é apenas um highlight de um episódio muito maior!  Curtiu? Então cola lá na sua plataforma preferida e confira nosso Podcast na íntegra  ;) https://anchor.fm/cmo-playbook
Uma das paradas que mais me deixa feliz é poder compartilhar meus insights diariamente nas principais plataformas digitais. E um dos temas que sou fascinado em falar é estoicismo. Com o lançamento do Mente do Rapha, meu action/skill disponível no Google Assistant e para Alexa, ficou ainda mais fácil entender o que penso sobre estilo de vida. E por isso, todo domingo você vai poder conferir o que se passou na minha mente naquela semana. Espero do fundo do coração ajudar. Vamos juntos.
loading
Comentários (30)

Renann Dias

que conteúdo foda.

Jun 25th
Responder

Rodolfo Sanvie

Conteúdo de profundidade e valor.

Jun 15th
Responder (1)

Rodolfo Sanvie

Top Rafa. Sua visão de mundo é muito abrangente. Me fez repensar o meu ecossistema do meu mindset. Só tenho a lhe agradecer.

Jun 5th
Responder

Bruno Ramos

fantástica essas dicas

Jun 3rd
Responder

Rodolfo Sanvie

Top seu conteúdo Rafa. Intenso e claro ao mesmo tempo.

Jun 3rd
Responder

Bruno Ramos

Muito bom. Minha esposa tem um salão e vai servir muito para ela.

Feb 15th
Responder

Emerson Bispo

Olá, Primeiramente quero parabenizar os seus conteúdos via PodCast, através do Spotify, de coração mesmo meus parabéns! Vamos lá! Tenho 43 anos de idade, casado e pai de 02 filhos. Estou há pouco mais de 01 ano interessado em iniciar atividades no “marketing digital”, mas vejo em grandes vídeos (youtuber), falarem sobre idade entre 18 à 28 ano ou um pouco a mais. Desejo saber para quem inicia com a idade como a minha, de que forma superar este mercado comparado para afiliados ou produtores que tem hoje com a idade inferior? Poderia me ajudar nesta questão? Desde já agradeço novamente pelo conteúdo TOP. Parabéns! Emerson Bispo

Feb 14th
Responder

Lucas Santos

Que #FODA. Meu primeiro pensamento que tive foi larga minha bolsa 100% EAD de Marketing para estudar na CRIA. Aqui vai de desabafo. Tudo que tem no cronograma na faculdade são teorias e mais teorias ultrapassadas. Realmente só faço faculdade porque número 1 não me custa nada porque é bolsa 100%. 2 Qualquer oportunidade de crescimento ou um processo seletivo uns dos pré-requisitos para poder se candidatar é estar na faculdade.

Dec 4th
Responder

Eng.Thais Fernanda

Inspiração!

Jul 11th
Responder

Anailton Pimenta

Muito show. Primeiro áudio de Podcast que acompanho achei muito massa. Vou ficar viciado nesse negócio

Jun 25th
Responder

Lucas Santos

Cara você definiu Marketing Multi Nível. Eles praticamente fazem um lavagem cerebral para você entrar no negócio. Fui convidado por um ex-amigo do exército que eu confiava demais, mais ele e eu quebramos.

May 9th
Responder

Jota Barros

Esse conceito de se habituar a produzir é muito real.

Feb 17th
Responder

Guilherme Bettcher

Simplesmente foda.

Dec 21st
Responder

Luiz Gabriel Oliveira

Rapha é bizarro

Sep 19th
Responder (1)

Abran Pereira

Animal

Aug 22nd
Responder

Santiago

Parabéns pelo trabalho!!! Gostaria de saber se você tem canal no Youtube.

Jul 16th
Responder (1)

guilherme salomao

Parabéns pelo trabalho!!!!

Jul 16th
Responder

Pedro Santos

🔥

Jul 13th
Responder

Leonardo Matsura

🙊🙊🙊

Jul 10th
Responder

Marcello Augusto

Melhor conteúdo, sem dúvidas !

Jul 9th
Responder
Baixar da Google Play
Baixar da App Store