DescobrirPautas Femininas
Pautas Femininas

Pautas Femininas

Autor: Rádio Senado

Inscrito: 8Reproduzido: 823
compartilhar

Descrição

Os temas mais importantes que afetam a vida das mulheres entram em debate no Pautas Femininas, uma parceria da Rádio Senado com a Procuradoria da Mulher da Câmara dos Deputados e do Senado Federal.
Apresentação: Ricardo Nakaoka e Ana Beatriz Santos
Produção: Ana Beatriz Santos
Toda quinta-feira, às 21h.
Disponível na internet às quintas-feiras
108 Episodes
Reverse
A presença das senadoras na CPI da Pandemia, mesmo sem indicação de seus partidos.  O andamento do projeto que prevê a equidade salarial  entre homens e mulheres no mesmo cargo e outros projetos e iniciativas do Congresso Nacional em defesa dos direitos e conquistas das mulheres.
Fechando o mês de abril, quando se comemora o dia mundial do café (dia 14), o Pautas Femininas entrevista com  uma jovem que trabalha para quebrar paradigmas na cadeia produtiva do café, um  setor da economia dominado por homens. Isabel Vilela, formada em Relações Internacionais, é gestora executiva da Aliança Internacional das Mulheres do Café do Brasil. Filha de Cafeicultores, Isabel conta que os desafios estão presentes em todos os países e seções da cadeia produtiva. E a presença feminina no setor é  fundamental .
A Bancada Feminina encaminhou um documento à OMS pedindo ajuda para a aquisição de vacinas e kits intubação para o país. Essas e outras iniciativas e projetos em benefício das mulheres durante a pandemia estão nesta edição do Pautas Femininas.
O programa desta semana destaca os projetos aprovados pelo Senado Federal em homenagem ao mês da Mulher. A escolha da nova procuradora especial da Mulher, mudanças na Lei Maria da Penha, e um incentivo às candidaturas políticas femininas. Confira
O Pautas Femininas de hoje aborda o empoderamento de adolescentes em situação de vulnerabilidade social.  E o esporte pode ser um fator importante para empoderar meninas de 13 a 18 anos em situação de vulnerabilidade social. A entidade “Empodera” acredita que levar prática esportiva a essas garotas ensina a lidar com as desigualdades de gênero e a violência contra a mulher. Um dos projetos desenvolvidos pela entidade, As Vozes das Adolescentes, está ajudando as meninas de Santana de Parnaíba-SP a alcançar visibilidade para suas demandas dentro do ambiente escolar. E as solicitações vão desde a disponibilidade de absorventes nas escolas até conseguir espaços adequados para que as mulheres possam fazer denúncias de violência. A jornalista Ana Beatriz Santos entrevistou a presidente da OSCIP Empodera, Jane Moura. Licenciada em Educação Física e Mestre em Sociologia pela Universidade Federal Fluminense, Jane estuda as relações de poder desiguais relacionadas ao gênero. Ouça o áudio com a entrevista.
O IBGE lançou a segunda edição do levantamento Estatísticas de Gênero: Indicadores Sociais das Mulheres no Brasil. A representante do IBGE Denise Guichard apresenta aspectos desse Raio X da situação da mulher brasileira em cinco grandes áreas, como educação, saúde  trabalho, v ida pública e direitos humanos.   Os dados são referentes a 2019, mas servem para dimensionar as mudanças que precisam ser feitas a caminho da igualdade.
O impacto da pandemia na vida das mulheres é o tema da entrevista do Pautas Femininas desta semana. Ana Claudia Pereira, gerente de projetos da área de governança e participação política da ONU, conversou com o jornalista Adriano Faria sobre a situação da mulher diante das mudanças impostas pela covid-19, nos aspectos econômicos, de saúde e violência doméstica. Uma delas é a escassez de empregos no setor de serviços, onde 70% da mão de obra é composta de mulheres.
O coordenador do Observatório da Mulher contra a Violência, Henrique Ribeiro, fala sobre o lançamento do relatório que vai orientar os trabalhos do Senado sobre o tema.  A expectativa é que as informações ajudem os parlamentares a definir políticas públicas para o enfrentamento da violência contra a mulher. Entre os temas discutidos estão a situação da implantação delegacias e casas abrigo, a percepção da mulher sobre a violência, entre outros. O lançamento do documento faz parte das atividades do Senado em homenagem ao Mês da Mulher.
O Pautas Femininas da Semana da Mulher, fala sobre as iniciativas do Senado Federal para aumentar a participação feminina no espaço político e registra a sessão em homenagem a mulher, que destacou os esforços femininos diante da pandemia da covid-19 Tem ainda um especial da Rádio Senado ao Dia Internacional da Mulher, falando sobre as diversas faces que compõem o universo feminino inspirada na poeta Cora Coralina.
O Pautas Femininas abre o mês de março falando de empreendedorismo da mulher negra. Sobre esse assunto, Anderson Mendanha conversou com com a escritora e educadora, Janine Rodrigues. Janine Rodrigues, fundadora da Piraporiando, é uma dessas mulheres que estão tendo destaque como executivas. Em 2015, ela fundou a Piraporiando, uma startup/edtech que trabalha com educação para diversidade. Além dos livros que escreve, a empresa também desenvolve projetos e consultorias de diversidade em escolas, empresas e diferentes instituições.
O tema do Pautas Femininas dessa semana é iniciação sexual precoce e gravidez na adolescência. Sobre esse assunto, a jornalista Roberta Cruz, da TV Senado, conversou com Maurício Cunha, Secretário Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, e Denise Ocampos, hebiatra da Secretaria de Saúde do Distrito Federal.
O Pautas Femininas dessa semana destaca o projeto que cria oficialmente o Colégio de Líderes do Senado Federal e que garante a participação de uma representante da bancada feminina nesse órgão. Pela proposta, o colegiado passaria a ser oficial, atualizando o regimento do Senado. O programa destaca também alguns projetos relacionados à mulher que estão em debate no Senado como a proposta que que cria o Cadastro Nacional e Pessoas Condenadas por Crime de feminicídio, estupro, violência doméstica e familiar contra a mulher (CNPCMulher).  Projetos citados no programa: PRS 26/2019 PL 1.012/2020 PL 2099/2019 PLS 446/2018 PLP 248/2020
O Pautas Femininas desta semana destaca a renovação do Auxílio Emergencial, tema importante uma vez que dados mostram que as mulheres são as que mais sofrem o impacto da pandemia de covid-19.   Destaque também no programa a possibilidade de uma representante da bancada feminina no Colégio de Líderes do Senado.
O primeiro Pautas Femininas de 2021 destaca o trabalho do Observatório da Mulher contra a Violência no recolhimento e na consolidação de informações sobre a violência contra a mulher no Brasil e na elaboração do relatório com os resultados do primeiro ciclo de avaliação da  Comissão Permanente Mista de Combate à Violência contra a Mulher (CMCVM).
O programa destaca o movimento das senadoras para garantir mais espaço das mulheres no processo decisório da direção do Senado Federal. Ainda nesta edição: a repercussão das eleições municipais de 2020; projetos de lei que dão mais visibilidade às causas femininas no país; e o lançamento de mais uma obra da coleção Escritoras do Brasil, "A Judia Raquel", escrita por um ícone da história do feminismo no Brasil, a mineira Francisca Senhorinha da Motta Diniz, de 1886. Confira!
Em plena campanha 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher, o Pautas Femininas fala de economia colaborativa com  a publicitária Manuela Schmidt  e  a importância de “educar os educadores” para abordar a violência contra a mulher, com a Professora Universitária Sandra Morais Ribeiro dos Santos.
O livro Histórias de Amor Tóxico é uma obra que reúne artigos de 32 pesquisadores com um tema em comum: a mulher e sua percepção das situações de violência. A organização ficou a cargo de Henrique Marques e Veronique Durand. O lançamento foi  no dia 2 de dezembro e a obra está disponível na biblioteca virtual do senado para download gratuito.
Dia 15 de novembro os municípios brasileiros escolheram novos representantes para as Câmaras Municipais e Prefeituras. Como nos anos anteriores, o retrato do legislativo local continua muito diferente da população brasileira. A maioria dos eleitos é de homens brancos, assim, a metade da população brasileira negra  e feminina é invisível nos espaços de poder. O Pautas femininas conversou com duas mulheres a respeito do tema: a socióloga Poema Portela, da Universidade Estadual do Rio de Janeiro e a vereadora mais jovem eleita em Belém-PR, Bia Caminha.
O programa Pautas Femininas volta depois de um intervalo de 7 meses devido a pandemia de covid-19. Nesta primeira edição especial, produzida de casa, Ana Beatriz Santos entrevistou a educadora financeira Nathalia Sena. Engenheira, especialista de projetos pela FGV, Nathalia Sena é educadora financeira e falou sobre sua própria experiência empreendendo e deu dicas para as mulheres que querem conduzir o seu próprio negócio. Atualmente, a plataforma “Dinheiro sem neura” disponibiliza para o público  três cursos: como fazer reserva de emergência em 7 dias, um treinamento intensivo onde é ensinado o passo a passo para fazer um investimento que garanta o conforto financeiro da família; investimento em bolsa de valores para leigos, onde a pessoa aprende tudo que precisa saber para comprar ações de boas empresas e fundos imobiliários; e o organização financeira, que fala sobre investimento em bolsa de valores, além de ter um acompanhando personalizado diretamente com Nathália. Durante a conversa, Nathalia ressaltou que a segurança financeira permite que a mulher faça escolhas melhores e mais segura e se sinta forte para se livrar de situações abusivas.
Nesta edição, o programa Pautas Femininas destaca o Dia Internacional da Mulher e os projetos relacionados às mulheres aprovados nas comissões do Senado Federal. A Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou proposta de criação da Política Nacional de Informações e Estatísticas Relacionadas à Violência Contra a Mulher (SCD 03/2018). E as mulheres poderão se alistar para o serviço militar quando completarem 18 anos. Projeto de lei nesse sentido (PLS 213/2015) foi aprovado na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE).
loading
Comentários 
Baixar da Google Play
Baixar da App Store