Discoveredasuaconta
edasuaconta

edasuaconta

Author: Tax Justice Network

Subscribed: 10Played: 88
Share

Description

Podcast em português da Tax Justice Network sobre justiça fiscal, corrupção e globalização financeira.
24 Episodes
Reverse
Mais de 270 milhões de pessoas estão em alto risco ou já em situação de fome, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU). E o abuso fiscal de multinacionais reduz a capacidade dos Estados de garantir direitos e acabar com a fome. Assim sendo, enfrentar o abuso fiscal é também uma maneira de reduzir a fome no mundo. Uma ferramenta importante nessa luta é o  Índice de Paraíso Fiscal Corporativo 2021 da Tax Justice Network, que mostra quais são os países que mais facilitam esse abuso, além de trazer recomendações para acabar com ele.   As grandes multinacionais precisam contribuir com tributos nos países onde geram seus lucros. Por isso, é essencial acabar com os mecanismos de envio do lucro para paraísos fiscais. Com esse recurso, os Estados poderiam agir para acabar com a fome, ampliar as ações de enfrentamento da pandemia e acabar com outros problemas que o mundo em crise enfrenta. Como o fim do abuso fiscal pode reduzir a fome? Ouça no episódio #24 do É da sua conta.
Você sabia que absorventes menstruais têm alta carga tributária? E que desodorantes femininos são mais caros do que os masculinos? E por que as mulheres são proporcionalmente mais tributadas que os homens? Mulheres e justiça fiscal é o tema do episódio #23 do É da sua conta. Você também vai ouvir sobre as injustiças do sistema tributário brasileiro e angolano, o subsídio dado pelas mulheres às economias através do trabalho de cuidado e como abusos fiscais - que muitas vezes estão relacionados ao crime organizado - afetam mais a vida de mulheres e meninas. Mais informações: Economia do Cuidado: como podemos visibilizar o trabalho invisível das mulheres na economia do cuidado? (Think Olga) Live de lançamento do estudo sobre o impacto da Covid 19 da vida das mulheres zungueiras em Luanda (Assoge) Privatização da água na cidade de Manaus e os impactos sobre as mulheres (Instituto Equit) Trabalho de cuidado: uma questão também econômica (Oxfam Brasil) Reforma tributária e desigualdade de gênero (FGV Direito SP) O estado atual da Justica Fiscal Internacional (Tax Justice Network)
Mais de US$ 40 bilhões em recursos que poderiam ser investidos no desenvolvimento da região, em educação, saúde, na compra de 2 bilhões de doses de vacina contra a covid-19 estão vazando da América Latina e Caribe em forma de fluxos financeiros ilícitos. Esse dinheiro sai de nossos países de maneira ilegal e sustenta o tráfico de pessoas, drogas, armas, a lavagem de dinheiro e também muitos abusos fiscais. Esses vazamentos criminosos são destaques da edição #22, do É da sua conta, que traz as informações do recém-lançado estudo "Vulnerabilidades e exposição a riscos de fluxos financeiros ilícitos na América Latina", da Tax Justice Network. De acordo com o material, os principais buracos que permitem essas perdas bilionárias estão no comércio internacional, nos investimentos estrangeiros nos países latinoamericanos e em movimentações bancárias suspeitas. Além de colocar a lanterna e mostrar onde está o problema, o podcast também traz as ferramentas para vedar esses canais de fluxos financeiros ilícitos apresentados no estudo da TJN. Acabar com essa prática criminosa é possível. Ouça o podcast e descubra como.
US$ 26 bilhões anuais podem ser arrecadados na América Latina com impostos sobre grandes riquezas! Além de contribuir com o financiamento de ações contra a crise atual, a taxação dos super-ricos é essencial para reduzir desigualdades. O É da sua conta #21 te convida a conhecer e participar das campanhas pela tributação de grandes riquezas. Isso é possível: mais de cem super-ricos defendem a tributação sobre suas riquezas e participam da campanha global Milionários pela Humanidade. Especialistas latinoamericanos explicam como funcionam os impostos sobre riqueza que já existem na Colômbia e na Argentina. Também contam a experiência dos países que ativaram esse tributo para enfrentar a pandemia: Bolívia e Argentina. Mostramos ainda iniciativas de Chile e Brasil, que tentam aprovar leis de imposto sobre riqueza. Mais informações:  Campanha Impuestos a la riqueza Campanha Tributar os Super-Ricos Campanha Milionários pela Humanidade Imposto sobre Riqueza na Colombia   Imposto sobre Riqueza na Argentina É da sua conta é o podcast mensal em português da Tax Justice Network. Produção de Daniela Stefano, Grazielle David e Luciano Máximo. Coordenação: Naomi Fowler. Download gratuito. Reprodução livre para rádios.
Essa é a conta do prejuízo global por causa de abusos fiscais cometidos por corporações multinacionais e super-ricos em 2020. Esse dinheiro, que poderia combater as crises social e econômica da pandemia de covid-19 ou ainda a crise climática, é desviado da justa contribuição com impostos e enviado a paraísos fiscais. Tudo isso está no relatório Estado da Justiça Fiscal Internacional 2020, destaque deste episódio do É da sua conta - https://www.edasuacontacom.
Carrefour e Pão de Açúcar cometem diversos abusos - tributários, trabalhistas, com fornecedores e clientes. Tudo para lucrar ainda mais. Isso é o que revela o livro “Donos do mercado”, dos jornalistas João Peres de Victor Matioli. Os abusos tributários e comerciais das duas maiores redes de supermercados do Brasil estão no episódio #19 do É da sua conta. Destaque: ouça o podcast e saiba como concorrer ao sorteio de três exemplares do livro!  Mais informações: https://www.edasuaconta.com
Quando impostos se destinam a taxar poderosos a elite econômico-financeira do mundo nos faz acreditar que são verdadeiros fantasmas. Mas o episódio #18 do É da sua conta desmistifica a tributação sobre transações financeiras e mostra  como esse imposto pode, com um desenho adequado, reduzir desigualdades ao taxar mais quem tem mais dinheiro e o setor financeiro. O podcast explora as vantagens desse imposto como um meio para governos regularem melhor o fluxo de capital no mundo e arrecadarem de forma mais justa, transparente e diminuindo a “maldição” da financeirização. Ouça o podcast e descubra como o imposto vem sendo colocado em prática no Quênia e proposto em Nova York e na União Europeia. Mais informações: https://bit.ly/37REzLZ https://bit.ly/2HNPbk3 https://bit.ly/3mJPTyj
Google, Facebook, Amazon e muitas outras empresas da economia digital são muito lucrativas e, ao mesmo tempo, pagam menos impostos que uma loja perto da sua casa, proporcionalmente. Governos de todo o mundo têm dificuldades  para tributar propaganda ou serviços de streaming de áudio ou vídeo. Focado na produção e comercialização de bens, mercadorias e serviços mercadorias “físicos”, os sistemas tributários internacional e nacionais precisam urgentemente se modernizar e chegar a um formato mais justo e que inclua as corporações da economia digital. Esse é o tema do É da sua conta #17. Mais informações: https://bit.ly/360aPM8 https://bit.ly/32StqYC https://bit.ly/3cqiLrp https://bit.ly/33SQJkb https://bit.ly/3kI5CwF
Ainda que existam medidas justas para enfrentar a crise da pandemia, que intensificou as crises econômica, social e climática, alguns governos não as colocam em prática. O que está faltando? A adequada distribuição econômica e de poder, que, “traduzida” para princípios de justiça fiscal, são duas palavras que começam com a letra R: redistribuição e representatividade. Mais informações: http://taxjustice.blogspot.com/2007/07/four-rs.html e https://derechosypoliticafiscal.org/pt/ 
Diante de uma sinfonia de crises intensificada  com a pandemia do novo coronavírus, o É da sua conta #15 segue a partitura das edições anteriores e apresenta mais instrumentos que, se bem afinados, podem ajudar países a financiar uma recuperação econômica.  Falamos de emissão monetária e de títulos da dívida, sempre em harmonia com medidas tributárias justas e progressivas, focadas na tributação dos mais ricos e das grandes corporações.  Entenda o que é emissão monetária e os impactos na taxa de juros, na inflação e no endividamento. Saiba também como usar a dívida pública interna para financiar a solução dos problemas atuais e futuros. Enquanto países lusófonos africanos ainda sofrem com a dívida externa, lembramos como o Brasil superou o fardo de décadas de dívida externa e a dependência do FMI. Participantes desta edição: Celeste Banze, Centro Integridade Pública de Moçambique Fábio Terra, Universidade Federal do ABC Guido Mantega, economista, ex-ministro da Fazenda 2006-2015 Júlia Braga, Universidade Federal Fluminense e Associação Keynesiana Brasileira Nick Shaxson, Tax Justice Network
Existem “pílulas tributárias” para uma retomada econômica mais sustentável e redistributiva no período pós-pandemia do novo coronavírus. O  episódio #14 do É da sua conta receita quatro “pílulas” que podem fortalecer o orçamento público para que governos tomem decisões justas no enfrentamento da crise econômica e sanitária, priorizando o combate à pobreza e à desigualdade, a manutenção de empregos e o resgate de pequenas e médias empresas. Falamos de algumas formas taxações: sobre lucro excedente de grandes corporações, sobre multinacionais oligopolistas, sobre riqueza e revisão de isenções e benefícios fiscais de governos.
O episódio #13 do  É da sua conta detalha uma ferramenta da Tax Justice Network que ajuda governos a fazer escolhas justas na hora de socorrer empresas. É uma espécie de vacina contra abusos tributários para um país se certificar que o dinheiro público que pode ser usado para salvar vidas e promover a retomada econômica não vá parar num paraíso fiscal. 
Quais são os rumos para a sociedade global, vencida a pandemia? Como não repetir erros de outras crises e apostar em novos paradigmas? Estas reflexões são feitas pelos economistas Laura Carvalho, Pedro Rossi, Áurea Mouzinho, Marco Antonio Rocha, Inocência Mapisse, Thomaz Jensen, Marilane Teixeira, Guilherme Mello e pelo nosso colunista, o jornalista Nick Shaxson. O É da sua conta está completando um ano, e nosso presente para os ouvintes é um site novinho: www.edasuaconta.com. Confira!
Em meio à crise do coronavírus, o episódio 11 do É da sua conta é sobre um outro tipo de vírus: a corrupção. Mas também vamos falar de um de seus poderosos antídotos: os leaks, vazamentos de informação em português. Vamos mergulhar num caso recente, o Luanda Leaks, e mostrar o papel parasitário dos países ricos nesse escândalo de corrupção em Angola, com repercussões no mundo inteiro. E uma novidade: estamos com um site novo. Em www.edasuaconta.com você tem acesso a todos os episódios do podcast e links para todas as nossas plataformas de áudio. Confira!
O  Índice de Sigilo Financeiro (ISF) 2020 da Tax Justice Network é o tema da décima edição do podcast É da sua conta. O indicador aponta as Ilhas Cayman, Estados Unidos e Suíça como os piores ofensores globais. Além disso, mostra que a maior parte das práticas que  facilitam a corrupção, a lavagem de dinheiro e abusos de impostos vêm dos países mais ricos, membros da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).
No início de cada ano no Brasil, as prefeituras começam a cobrar o Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU). 45% de sua arrecadação é usada para financiar educação e saúde públicas. Mas quanto se arrecada no total e o dinheiro é bem aplicado? É sobre isso que vamos falar no episódio 9 do É da sua conta.
A financeirização da economia é um fenômeno caracterizado pelo aumento do setor financeiro em relação a todos os outros setores econômicos.  O capital financeiro está mudando o jeito de "fazer dinheiro" para investidores, acionistas, especuladores. Esse capital sai de uma posição de credor das empresas para a de proprietário, criando processos que permitem que possam tirar lucro para si, não importa se isso prejudique  a economia dos países, altere o setor produtivo e o funcionamento das empresas e até resulte em aumento de preço de serviços públicos essenciais e redução de direitos. É o que o nosso colunista, o jornalista da Tax Justice Network, Nick Shaxson, chama de “a maldição das finanças” No É da sua conta #8 você ouve… Uma visita a escola pública em São Bernardo do Campo, São Paulo, para reforçar que educação é um direito essencial e que pode se desvirtuar se o lucro tornar-se o objetivo. Os riscos da financeirização para a economia e os direitos sociais em uma entrevista com o economista Luiz Gonzaga Belluzo.  Nick Shaxson defende a redução da financeirização como forma de crescimento da economia Endividamento e precarização de direitos trabalhistas são efeitos da financeirização no nosso dia a dia. A financeirização no ensino superior privado brasileiro, que gera dívidas aos estudantes e lucros altíssimos às empresas de educação. O avanço das parcerias público-privadas (PPPs) na infraestrutura como faceta da financeirização. O caso de Moçambique: exploração de recursos naturais e degradação da economia -  a financeirização acrescenta uma nova camada de possibilidades de extração de riquezas. Call to action: sistemas tributários transparentes, progressivos, igualitários e eficientes podem ser uma resposta efetiva para diminuir tamanho da financeirização. Parceria do É da sua conta com o podcast Outra Economia.
No futebol nem tudo é jogada bonita e bola na rede. Para muitos, o aspecto financeiro e o peso do dinheiro mancham a beleza do esporte mais popular do mundo.  A sétima edição do É da sua conta fala sobre a falta de transparência em transações milionárias, negócios suspeitos, paraísos fiscais e como funciona a indústria de sonegação de impostos no mundo do futebol.
Sem transparência, Brasil deixa de arrecadar US$ 70 bilhões com gastos tributários. O que é isso? Quem são os beneficiários? As promessas de benefícios para a sociedade são cumpridas?
Os caminhos da reforma tributária no Brasil. O que muda no sistema tributário com as propostas de reforma em discussão no Congresso?
loading
Comments 
Download from Google Play
Download from App Store