DescobrirTerceiro Turno
Terceiro Turno

Terceiro Turno

Autor: Bahia Notícias

Inscrito: 12Reproduzido: 17,358
compartilhar

Descrição

O "Terceiro Turno" é um bate-papo sobre a política baiana, de forma leve e simples. Nas sextas-feiras, os jornalistas Jade Coelho, Ailma Teixeira e Bruno Luiz apresentam um resumo das informações da semana e discutem o que será notícia nos próximos dias. O podcast do Bahia Notícias é editado por Paulo Victor Nadal.
69 Episodes
Reverse
A Bahia completa, neste sábado (6), um ano da descoberta do primeiro caso de coronavírus no estado e a situação é de total descontrole: aumento de novos casos, recordes de mortes por dia e risco de colapso no sistema de saúde. Com isso, os gestores decretaram toque de recolher, nova suspensão de atividades não essenciais no que chamam de "lockdown parcial" e buscam viabilizar mais leitos para pacientes com Covid-19. Mas como chegamos até aqui? Ou como saímos desse cenário? São questões abordadas no episódio 67 do podcast Terceiro Turno. Apresentado pelos jornalistas Jade Coelho, Bruno Luiz e Ailma Teixeira, o programa destaca os números da pandemia e conta com a participação de profissionais de saúde, que dão uma panorama sobre a situação enfrentada nos hospitais.
O governo da Bahia definiu o modelo e data para a retomada das aulas, suspensas há mais de 11 meses. Em 15 de março a rede estadual da Educação vai começar as atividades escolares em um ano letivo "2 em 1" e de forma 100% remota. 
O nome de João Roma como indicação do Republicanos para assumir o Ministério da Cidadania vem circulando na imprensa há pelo menos duas semanas, diante do compromisso de Bolsonaro de ceder mais espaço no governo para um partido do Centrão. As especulações se intensificaram na semana passada, enquanto Neto articulava nos bastidores para evitar que um dos seus aliados mais próximos assumisse o cargo. O discurso dele, que é presidente nacional do DEM era de que o partido tem postura independente em relação ao governo, Neto temia que a nomeação de Roma fosse encarada como indicação direta dele a Bolsonaro. Mas os esforços do ex-prefeito da capital baiana foram em vão e, na última sexta-feira, o presidente da República nomeou Roma para o cargo.
O ano de 2020 foi marcado por escolas fechadas. O tema envolve uma polêmica que já se arrasta desde então. O decreto que suspende as aulas presenciais na Bahia por causa da pandemia da Covid-19 está perto de completar 11 meses, e as gestões estadual e municipais tem sofrido pressão para uma definição.Nos últimos dias o tema tem ganhado ainda mais visibilidade e está marcado pelo acirramento das discussões e cobranças pelo retorno. Há um verdadeiro cabo de guerra entre a sociedade, escolas, pais, motoristas de transporte escolar, professores e médicos. Além de decisão judicial que determinou o retorno das atividades escolares presenciais no estado em 1º de março.O episódio desta sexta-feira (11) do podcast Terceiro Turno põe na balança os riscos e benefícios da reabertura das escolas.
Após meses de disputas, brigas, acordos e muita articulação, chegou ao fim a novela da Presidência da Assembleia Legislativa da Bahia. Por 60 votos a 1, o deputado estadual Adolfo Menezes (PSD) foi eleito novo presidente da AL-BA pelos próximos dois anos.
O peso da Bahia nas eleições no Congresso Nacional é o tema do Terceiro Turno desta sexta.
O Brasil presenciou nesta semana o início do fim da pandemia da Covid-19, que já causou 212 mil mortes no país. A vacina contra a infecção causada pelo novo coronavírus foi aprovada e distribuída aos estados e municípios. A tão esperada vacinação começou, causou momentos de muita emoção e alimentou a esperança da população brasileira, que até então só assistia outros países iniciarem a imunização.Mas o número de doses ainda é muito pequeno e está longe do necessário, até mesmo para a imunização do primeiro grupo prioritário. Até o momento não há qualquer definição sobre datas para que uma nova remessa de doses cheguem por aqui. 
11 de janeiro de 2021. Poderia ser uma segunda-feira qualquer, mas foi a data em que a Ford anunciou o encerramento de sua produção no Brasil. A medida atinge em cheio a economia baiana, já que há cerca de duas décadas o município de Camaçari abriga uma das fábricas da empresa no país.
A eleição para presidência da Assembleia Legislativa e o racha iminente na base de Rui Costa são o tema do Terceiro Turno desta sexta-feira (8).
Em meio às reflexões de fim de ano, o podcast Terceiro Turno traz uma retrospectiva sobre o que foi notícia no Brasil e, especialmente na Bahia, ao longo de 2020. Um spoiler: não foi só Covid-19.Os apresentadores Jade Coelho, Ailma Teixeira e Bruno Luiz montaram uma seleção especial para os ouvintes do podcast, publicado excepcionalmente nesta segunda-feira (28).
Nos vemos no dia 28/12 (segunda-feira) com a nossa retrospectiva de 2020
A deflagração de duas novas fases da Operação Faroeste surpreendeu muita gente e movimentou as redações nesta semana. Desta vez o alvo foi ampliado para além do Tribunal de Justiça da Bahia e revelou o envolvimento de outros operadores.
A população negra é a que mais morre pela polícia, seja em números absolutos ou proporcionalmente. No ano passado, 650 pessoas foram mortas pela Polícia Militar da Bahia. Desse total, a maioria tem uma característica em comum: são negros.No ano passado, os pretos e pardos representaram 97% das vítimas da letalidade policial na Bahia. Os números constam no relatório "A cor da violência policial: a bala não erra o alvo", da Rede de Observatórios da Segurança, e são o tema do Terceiro Turno desta sexta-feira (10).
Mesmo com todos os esforços, o governador Rui Costa viu seus dois candidatos, Zé Raimundo em Conquista e Zé Neto em Feira, ambos do PT, serem preteridos pela população. Por outro lado, seu principal adversário político, ACM Neto, provou do gosto adocicado da vitória de seus dois aliados. Mas o pleito municipal é o início, e não o fim para uma disputa ainda maior que já se aproxima: a eleição para governador da Bahia em 2022.
No primeiro turno das Eleições 2020, em 15 de novembro, nenhum prefeiturável de Feira de Santana ou de Vitória da Conquista conquistou os 50% + 1 entre os votos válidos. Então a disputa se estendeu para o segundo turno.O segundo turno nas duas cidades tem PT versus MDB. Mas enquanto em Feira esse pleito pode por fim a um padrão estabelecido nos últimos anos no comando da cidade, em Conquista um partido que geriu por 20 anos e perdeu a última eleição (2016) pode voltar ao poder.
Com 64,20% dos votos, Bruno Reis foi eleito o próximo prefeito de Salvador. Ele desbancou oito candidatos de oposição, que travaram uma corrida estilo "Todos contra Bruno", e o resultado fez parecer que foi muito simples. Em uma campanha atípica por conta da pandemia, o democrata teve 40% a mais de recursos que todos os outros candidatos juntos, mais que o dobro de tempo de TV que Major Denice, segunda mais votada, um padrinho político com a gestão bem avaliadíssima, uma força política expressiva, com 15 partidos coligados, e uma oposição desorganizada.
Está chegando o dia de escolher quem vai ocupar as cadeiras de prefeito e vereador pelos próximos quatro anos nos 417 municípios baianos. Por conta da pandemia da Covid-19, a eleição deste ano foi prorrogada. O primeiro turno acontece neste domingo dia 15 de novembro e o segundo turno ficou marcado para o dia 29 de novembro. Confira o que muda e o que não muda na hora de votar no primeiro turno deste ano.
Em 20 anos, o número de mulheres candidatas nas eleições municipais na Bahia praticamente triplicou. Já entre as eleitas o crescimento ocorre em ritmo muito mais lento.
Depois de falarmos de Feira de Santana e Vitória da Conquista, vamos tratar de outras quatro cidades onde a configuração do pleito chama bastante atenção, seja pelo perfil dos candidatos ou pela força política de suas siglas e coligações. São quatro casos distintos, mas que reservam algumas semelhanças entre si.O Terceiro Turno desta semana aborda o panorama das eleições em Camaçari, Itabuna, Juazeiro e Lauro de Freitas.
O Terceiro Turno desta semana discute como estão as eleições nos dois maiores colégios eleitorais do interior da Bahia. 
loading
Comentários 
Baixar da Google Play
Baixar da App Store