Claim Ownership

Author:

Subscribed: 0Played: 0
Share

Description

 Episodes
Reverse
A Native Scientists e a Cartas com Ciência são duas organizações que promovem a literacia cientifica ao colocarem crianças a conversar com cientistas, e vice-versa. E acontece "magia" nesses encontros. Este convívio mostra oportunidades de carreira nas ciências, promove o conhecimento e a importância do método científico mas, principalmente, cria "melhores cidadãos" e combate desigualdades - a começar por mostrar a muitas crianças que "ir para a universidade é uma opção que até então não tinham considerado". Uma conversa sobre os avanços da ciência, dentro e fora do laboratório, e como essas descobertas, ainda que "simples", como trocar cartas, podem ter um impacto gigante.Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
As empresas podem ser forças para a mudança e para o bem coletivo. Quem o diz é o Luís, diretor executivo do B Lab Portugal, uma organização que certifica empresas que respondam aos problemas sociais mais críticos. O Luís acredita que as empresas não servem exclusivamente para "dar dinheiro" e que os negócios têm todo o interesse - até económico! - em apostar na sustentabilidade da sua atividade em toda a linha. Uma conversa sobre o capital em prol da sociedade, o poder do consumidor e um futuro mais risonho para todas as pessoas.Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
Uma parte significativa de todos os cancros da mama não são detetados precocemente. Depois de um episódio oncológico na família, o Francisco e o Frederico criaram a Glooma: uma start up focada na prevenção do cancro da mama. Desenvolveram uma luva inteligente que deteta alterações nos tecidos mamários que podem significar o aparecimento de nódulos ou tumores malignos. Uma conversa sobre a tecnologia ao serviço da saúde, empreendedorismo e a motivação de "dois gajos" empenhados num problema que afeta, sobretudo, mulheres (mas não só).Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
Deve haver poucas pessoas que entendam a juventude tão bem como a Cátia. Até tem uma pós-gradução em Estudos Juvenis. Além da Federação Nacional das Associações Juvenis, dedicou tempo e trabalho a uma dúzia e meia de projetos em torno da juventude. Com base em Arouca, a Cátia tem trabalhado em torna da educação para a cidadania na juventude e em construir comunidades mais fortes, integradas e inclusivas. Uma conversa sobre o que é ser jovem, o papel e o poder da juventude e sobre as dores de crescimento - as suas e as dos que a rodeiam. Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
A Cachupa é um prato típico da cozinha de Cabo Verde. Trata-se de uma receita composta por bastantes ingredientes. A receita da Cachupa Creative Studio também tem imensos ingredientes mas é simples: design e comunicação de impacto. O estúdio multidisciplinar quer ajudar projetos e organizações a comunicar o seu impacto e, com isso, multiplicar o seu impacto. Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
Um episódio especial para assinalar a marca dos 100 episódios e o prémio da categoria "Questões Sociais" do PODES 2022 - Festival de Podcasts.Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
A saúde oral é um direito universal mas acaba por ficar vedada a populações vulneráveis. E este problema tem mais externalidades do que à primeira visto se poderia pensar. Além das óbvias consequências negativas para a saúde, problemas orais evitáveis criam absentismo escolar e profissional, provocam inseguranças e baixas auto-estimas que atingem sobretudo pessoas menos privilegiadas. Para inverter este cenário, a Mundo a Sorrir nasceu em 2005 para capacitar profissionais e cuidar da saúde oral em Portugal e em Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa.Uma conversa com uma socióloga, que se apaixonou pela causa da saúde oral, sobre um problema escondido com o rabo de fora, sempre com um tom positivo e com o objetivo de colocar o "mundo a sorrir".Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
Depois de uma carreira profissional dedicada a ele próprio, aos 59 anos sentiu necessidade de se focar "no outro". Havia várias ideias em cima da mesa, cada uma mais "megalómana" do que a outra. Mas acabou por se focar numa ideia "banalmente bela": pegar na sua bicicleta, recolher excedentes alimentares que iriam para o lixo nos estabelecimentos comerciais do seu bairro e "aproveitar para alimentar" famílias carenciadas. Assim nasceu o Re-food, um movimento eco-humanitário para eliminar o desperdício alimentar. 12 anos depois, o movimento está espalhado em núcleos por todo o País e até já está no estrangeiro e evita o desperdício de milhares de toneladas de comida.Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
A Filipa é apaixonada pelo seu trabalho. E isso nota-se pela forma como fala da Aldeias de Crianças SOS. E é apaixonada tanto pelo contacto direto com crianças e jovens que a associação protagoniza como pelo seu trabalho, mais na retaguarda, mas que segura boa parte das operações. Uma conversa sobre angariação de fundos em organizações de impacto, um tema tanto tabu como essencial, em que tentamos desconstruir mitos sobre o dinheiro e o "pedir dinheiro".Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
Toda a gente tem um talento e todos os talentos são mais transpiração que inspiração. Este lema é o pontapé de saída da segunda temporada d'O Ar é de Todos, com uma convidada especial: a Inês Alexandre. A Inês já fez trinta coisas mas sempre por uma linha: o impacto. Não sabe qual é o principal talento mas um dos principais é ativar o talento dos outros. Uma espécie de alavanca que desdobra e multiplica o impacto e caminha para a mudança sistémica. E é muito disto que falamos. Impacto, talentos, ativação, mudança sistémica, propósito. Enfim. Uma conversa franca, desinibida e a apontar para o futuro como algo melhor que o presente.Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
No labirinto do setor do impacto, a Maze não pretende encontrar o caminho certo. Não por não o querer, mas por acreditar que é melhor ir dar a uma rua sem saída do que arriscar não fazer nada. É melhor atrever-se a encontrar o propósito do que ficar parada. E foi isso que a Rita fez. Hoje é partner e Head of Aceleration mas começou como mestranda e analista. E é esta aceleração que imprime às startups e aos projetos com que trabalha. Uma conversa na qual descodificamos o impacto, aceleramos pontos de vista sobre o mercado e se aponta o caminho para que o setor se afirme cada vez mais.Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
Sonhar é uma atividade inerentemente solitária mas é quando partilhada que tem maior probabilidade de se concretizar. Foi a pensar nisso que a Joana fundou a Solo Adventures, uma comunidade de sonhadores praticantes cujo propósito é ajudar outras pessoas a descobrir e alcançar o seu propósito. São sonhadores mas põem os sonhos e os objetivos em prática. Uma conversa intimista, regada com partilha, sobre o sonho e o propósito e como o descobrir e materializar. Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
O serviço é uma estrada de dois sentidos. Uma troca. Dar e receber, literalmente. Ao colocarmos as nossas competências ao serviço de alguém ou de alguma coisa, "estamos também a ser recetores de algo". Quem o diz é o Afonso, um veterano no que toca ao servir. Começou cedo, na filarmónica, e desde então trabalhou com populações vulneráveis: idosos, refugiados, sem abrigo e comunidade cigana. E fê-lo em Portugal, Espanha, Grécia, São Tomé e Príncipe e Brasil. Uma conversa sobre servir pessoas ou comunidades, com alguém que sente o serviço como missão, vocação e profissão.Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
Há muitas formas de levar a água ao moinho. Para a Constança e os centenas de jovens voluntários do Thirst Project Portugal, uma delas é criar awareness para o problema e outra é angariar fundos para o atacar diretamente. Falamos das mais de 600 milhões de pessoas no mundo que não têm acesso a água potável e da realização de furos de água doce com bombas manuais no reino do eSwatini. Mas falamos também de todas as externalidades que a falta de acesso a um recurso vital acarreta: desde a educação à economia. Uma conversa com uma jovem tão idealista quanto pragmática, que tanto está a palestrar para centenas de pessoas como está a "tirar cerveja num sunset do Thirst Project". Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
O Paulo vive e respira música desde que se lembra de ser gente. Curiosamente (ou não), a primeira forma com que reagimos com o universo é através dos sons in utero. Ele é etnomusicólogo, pedagogo, comunicador cultural e de música e dedica grande parte do seu tempo a pensar e implementar projetos de impacto social. Seja em prisões, com populações desfavorecidas, com idosos, crianças e com pessoas de etnia cigana. E não pensa vir a parar tão depressa, pois acredita no poder do impacto social da música para resolver os problemas do mundo. Uma conversa idealista com um practitioner que tem sonhos grandes mas não utópicos.   Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
Parece evidente haver algum desfasamento entre os jovens e a política. Mas isso não significa que os jovens não queiram participar ou não se importem. Esta é a perspetiva do Bernardo, o co-fundador da MyPolis, uma plataforma digital que convida jovens a apresentar, discutir e votar ideias para melhorar as suas comunidades. Uma conversa sobre as várias formas de fazer política e, sobretudo, os vários locais onde ela pode ser feita.Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
A Celmira é uma empreendedora de gema. Carregada de "genes transmontanos", desde cedo se apercebeu que se move pela empatia, a educação e a resolução de problemas. É por isso que o percurso de professora a empreendedora social não seja difícil de contar: alunos com necessidades educativas especiais não estavam a ter as respostas que necessitavam, então a Celmira foi procurar formação para resolver este problema. Depois, as famílias das crianças com deficiência não tinham a capacitação necessária, a Celmira criou as respostas. Pelo caminho, criou também a EKUI, uma metodologia de design universal e ensino inclusivo que já pôs dezenas de milhares de crianças portuguesas a aprender a ler e a comunicar usando "mais do que uma parte do cérebro". Uma conversa sobre as paixões, o passar do tempo, as motivações, as aprendizagens e as vivências de uma empreendedora social.Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
Antes de descobrir o mundo do empreendedorismo social, já navegava nos assuntos do Terceiro Setor. Primeiro enquanto jornalista e apresentadora do programa Sociedade Civil (RTP 2), depois enquanto empresária e empreendedora. A Fernanda é fundadora da Nuvem Vitória, uma associação que leva equipas de voluntários a contar histórias de embalar a crianças hospitalizadas e afastadas dos seus ambientes familiares. Uma conversa genuína sobre a vontade intrínseca de mudar o mundo, sobre empreendedorismo social e a vida de quem o pratica.Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
O Miguel é designer de comunicação e, um dia há já muitos anos, deparou-se com o problema social que aflige 350 milhões de pessoas daltónicas. No início não havia nada. Então, o Miguel desenvolveu uma solução ao longo de 8 anos. Este processo criativo de design traduziu-se no ColodADD, um código pioneiro e universal que permite que daltónicos identifiquem cores através de um conjunto de símbolos. Uma conversa sobre um problema "escondido" e do qual "pouco se fala", o processo criativo e o fator "tempo" no âmbito da inovação social.  Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
A Mariana apaixonou-se a dançar de olhos fechados numa pista de dança de música eletrónica algures no início do século. Desde então, trabalhou como agente de artistas e organizadora de festas de música eletrónica. E rapidamente se apercebeu do poder transformador da música. Trouxe o Village Underground de Londres para Lisboa e há oito anos que "derruba muros e ergue mundos". Através de uma programação aberta, inclusiva e diversa, trouxe para o centro o que costumava estar nas margens. E continuou a fazê-lo ao criar a Skoola, uma academia de música urbana, para jovens de todos os contextos, na qual podem ser eles próprios, descobrir o seu potencial musical e a sua identidade artística. Uma conversa sobre barreiras físicas que perpetuam barreiras invisíveis e sobre o poder das artes para derrubar muros, tanto os literais como os metafóricos.Obrigado por ouvires!Para sugestões, reclamações ou apenas para conversar -> joao@oaredetodos.ptSegue o O Ar é de Todos no Instagram ou no Linkedin!
Comments 
loading
Download from Google Play
Download from App Store