Claim Ownership

Author:

Subscribed: 0Played: 0
Share

Description

 Episodes
Reverse
“O que é curioso é que as cidades têm esse lado do património, mas depois tem o outro lado que é a cidade viva. Se a cidade viva não se adapta minimamente e se os edifícios não se adaptam aos modelos de vida, que se vão transformando, arriscam-se seriamente a ficarem desertos e a própria cidade ser abandonada e virar um campo arqueológico.” (Gonçalo Byrne) À conversa com o arquitecto Gonçalo Byrne procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do Edifício Sede do Banco de Portugal. Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/05/18/p3/noticia/goncalo-byrne-cidade-organismo-vivo-edificio-raizes-precisa-cidade-viver-2006553 Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/982417/na-arquitetura-a-relacao-com-a-vida-e-fundamental-entrevista-com-goncalo-byrne Para saber mais sobre o Edifício Sede do Banco de Portugal, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“O que é curioso é que as cidades têm esse lado do património, mas depois tem o outro lado que é a cidade viva. Se a cidade viva não se adapta minimamente e se os edifícios não se adaptam aos modelos de vida, que se vão transformando, arriscam-se seriamente a ficarem desertos e a própria cidade ser abandonada e virar um campo arqueológico.” (Gonçalo Byrne) À conversa com o arquitecto Gonçalo Byrne procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do Edifício Sede do Banco de Portugal. Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/p3/podcast-arquitectos Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/tag/podcast Para saber mais sobre o Edifício Sede do Banco de Portugal, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“O que é curioso é que as cidades têm esse lado do património, mas depois tem o outro lado que é a cidade viva. Se a cidade viva não se adapta minimamente e se os edifícios não se adaptam aos modelos de vida, que se vão transformando, arriscam-se seriamente a ficarem desertos e a própria cidade ser abandonada e virar um campo arqueológico.” (Gonçalo Byrne) À conversa com o arquitecto Gonçalo Byrne procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do Edifício Sede do Banco de Portugal. Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/p3/podcast-arquitectos Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/tag/podcast Para saber mais sobre o Edifício Sede do Banco de Portugal, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“Tu vias o Fernando Pessoa na rua e ele era um senhor igual aos outros todos, compostinho, com o chapelinho, mas depois tinha uma grande explosão interior. O que nos fez ver tantos destes edifícios é isso mesmo: há muitos edifícios de explosão interior.” (Sérgio Antunes) À conversa com os arquitectos Sofia Couto e Sérgio Antunes, do atelier Aurora Arquitectos, procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do Open House Lisboa 2022. Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: www.publico.pt/2022/05/13/p3/noticia/sofia-couto-sergio-antunes-contam-segredos-escondidos-open-house-lisboa-quer-revelar-2006033  Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: www.archdaily.com.br/br/981617/open-house-lisboa-2022-propoe-redescobrir-a-arquitetura-invisivel Para saber mais sobre o Open House Lisboa 2022, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“Tentar não fazer uma arquitectura que é só uma composição, mas, sobretudo, tentar que tudo possa ser alterado, que as pessoas possam alterar os espaços, que as pessoas possam com um dispositivo mudar a forma como o espaço está a ser utilizado.” (João Caldeira Ferrão) À conversa com os arquitectos João Caldeira Ferrão e João Costa Ribeiro, do atelier Extrastudio, procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através da Casa Vermelha, situada numa pequena aldeia em Vendas de Azeitão (Setúbal). Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/05/06/p3/noticia/casa-vermelha-casajardim-atelier-extrastudio-sabe-envelhecer-2005157  Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/981336/a-cor-como-tema-da-arquitetura-entrevista-com-atelier-extrastudio Para saber mais sobre este projecto da Casa Vermelha, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“Quando a Sara me convidou e me disse que o programa se chamava ‘No País dos Arquitectos’, eu lembro-me de ter respondido: «No País dos Arquitectos há muitos mais cidadãos e muitos mais povos. Um arquitecto não faz uma obra sozinho.» Portanto, é o espírito de equipa e uma equipa interdisciplinar (ou multidisciplinar) que leva a que aquele projecto possa ganhar consistência e coerência." (Nuno Grande) À conversa com o arquitecto Nuno Grande, do atelier Pedra Líquida, procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através da Casa do Conto e da Tipografia do Conto. Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/04/20/p3/noticia/nuno-casa-conto-tipografia-conto-novo-conto-nascer-porto-2003073 Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/980537/hospitalidade-como-ponto-de-partida-para-descobrir-uma-cidade-entrevista-com-pedra-liquida Para saber mais sobre os projectos da Casa do Conto e da Tipografia do Conto, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“Eu acho que, quando trabalhamos com espaços culturais, essa flexibilidade do espaço é muito importante. E nós, às vezes, acho que temos tendência a criar espaços muito estanques, não é? Porque imaginámos, porque idealizámos o branco e a parede de uma determinada forma... e o móvel, se calhar tem de ficar aqui... e num espaço cultural isso não é possível nem desejável, não é?” (Adriana Floret) À conversa com a arquitecta Adriana Floret, do gabinete Floret Arquitectura, procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do Espaço Mira e Mira Fórum. Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/04/14/p3/noticia/adriana-floret-projecto-mira-porto-ideia-manter-espirito-armazens-2002402 Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/980121/projetos-de-reabilitacao-e-a-reinvencao-do-lugar-entrevista-com-adriana-floret  Para saber mais sobre este projecto do Espaço Mira e Mira Fórum, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“A nossa geração ficou muito mais habilitada e capaz de pensar a arquitectura e os problemas de forma diferente... na forma como dialogamos com os clientes, na forma como dialogamos com os players e também na forma como nós próprios nos mostramos ao mundo. Ficamos possivelmente mais abertos e permeáveis àquilo que as pessoas têm para dizer, bem como às próprias dificuldades para que consigamos encontrar resultados positivos de que todos nós nos orgulhemos.” (Francisco Salgado Ré) À conversa com os arquitectos Bruno André e Francisco Salgado Ré, do estúdio criativo AND-RÉ, procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do Centro de Artes de Águeda. Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/04/05/p3/noticia/arquitectura-aberta-pessoas-dizer-andre-centro-artes-agueda-2001398 Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/979814/a-importancia-de-projetar-para-diferentes-publicos-entrevista-com-and-re Para saber mais sobre este projecto do Centro de Artes de Águeda, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“Eu lembrei uma frase do Niemeyer que falava que a arquitectura não é importante. O importante é a vida, os amigos, a família... E aí eu acrescentei: «e um bom churrasco!»” (Marcio Kogan) À conversa com Marcio Kogan, Diana Radomysler e Suzana Glogowski procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho. O podcast visa a valorização da arquitectura portuguesa, através de obras de referência em Portugal, sejam elas feitas por arquitectos portugueses ou internacionais. Esta entrevista é uma óptima forma de perceber o que pode a arquitectura portuguesa aprender com a arquitectura brasileira e, em particular, com o arquitecto Marcio Kogan, do Studio MK27. A arquitectura brasileira foi muito influenciada pelos portugueses através do uso do muxarabi e Marcio Kogan partilha connosco as aprendizagens que fez sobre a arquitectura portuguesa nos vários projectos: L’And Vineyards, Casa C+C, Casa da Bahia, “Mesa Portuguesa, Com Certeza”, entre outros. Pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/04/04/p3/noticia/marcio-kogan-diana-radomysler-suzana-glogowski-arquitectura-brasileira-portuguesa-2000993  Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/979339/a-influencia-da-arquitetura-portuguesa-na-obra-do-studio-mk27  Para saber mais sobre esta ligação transatlântica, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“A arquitectura tem de ser capaz de transformar e não apenas existir sem que se dê por ela. Às vezes é importante que exista que sem se dê por ela porque é esse o papel da arquitectura, mas ela, por norma, tem de transformar e mudar a vida das pessoas para melhor. A arquitectura é das profissões mais apaixonantes porque é uma profissão que transforma as coisas e tem um contributo enorme para aquilo que é a vida das pessoas.” (António Cerejeira Fontes) À conversa com o arquitecto António Cerejeira Fontes, do atelier Cerejeira Fontes arquitectos, procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através das capelas Imaculada e Cheia de Graça. Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/03/22/p3/noticia/antonio-cerejeira-fontes-capelas-imaculada-cheia-graca-arquitectura-apelar-sentidos-1999643  Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/979002/arquitetura-e-espiritualidade-as-capelas-imaculada-e-cheia-de-graca-em-braga  Para saber mais sobre este projecto das capelas Imaculada e Cheia de Graça, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“O edifício foi, logo, um grande sucesso junto dos animais, o que… sendo uma estação biológica era a melhor forma de elogio que poderíamos ter tido.” (João Maria Trindade) À conversa com o arquitecto João Maria Trindade, do atelier Ventura Trindade, arquitectos, procuramos explorar a missão da arquitectura e o papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através da Estação Biológica do Garducho. Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/03/17/p3/noticia/joao-maria-trindade-estacao-biologica-garducho-dava-bela-casa-1998989  Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/978572/biodiversidade-e-insercao-da-arquitetura-na-paisagem-entrevista-com-joao-maria-trindade Para saber mais sobre este projecto da Estação Biológica do Garducho, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“Talvez possamos fazer a analogia de que um bom vinho deve saber envelhecer e, nesse sentido, eu diria que uma boa arquitectura também deve saber envelhecer.” (Diogo Aguiar) À conversa com o arquitecto Diogo Aguiar, do Diogo Aguiar Studio, procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através da Quinta da Aveleda. Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/03/11/p3/noticia/diogo-aguiar-quinta-aveleda-tal-bom-vinho-bom-edificio-saber-envelhecer-1998362  Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/978087/como-um-bom-vinho-um-edificio-tem-que-saber-envelhecer-entrevista-com-diogo-aguiar  Para saber mais sobre o projecto do arquitecto na Quinta da Aveleda, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“Quando eu vou ver o que está a ser feito e o que se diz… É um frio na espinha terrível e as pessoas não sabem disso... As pessoas depois criticam em frente à obra e dizem: «Se fosse a ti tinha cortado ali e acolá...» Está bem… mas é que eu comecei aqui com uma folha A4. Eu não fazia a mínima ideia de como é que isto ia ficar… porque há uma ideia de que os artistas é gente… que não são humanos… mas são seres humanos iguais aos outros e corremos os mesmos riscos de falhar.” (Eduardo Souto de Moura) À conversa com o arquitecto Eduardo Souto de Moura procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do Estádio Municipal de Braga. Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/03/01/p3/noticia/eduardo-souto-moura-estadio-municipal-braga-convencime-estadio-teatro-1997202  Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/977811/os-arquitetos-complicam-fingem-que-sao-artistas-entrevista-com-eduardo-souto-de-moura Para saber mais sobre o Estádio Municipal de Braga, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos. Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
"Mas quando lá vou, agora, visitar o edifício fico um bocado desiludido porque, de uma forma geral, tudo o que é edifício público não tem manutenção." (Pedro Guimarães)  À conversa com o arquitecto Pedro Guimarães, do gabinete Barbosa & Guimarães, procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do Palácio da Justiça de Gouveia.  Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/02/22/p3/noticia/pedro-guimaraes-tribunal-gouveia-casa-justica-unir-espacos-cidade-1996374  Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/977234/simbolismo-arquitetura-e-uma-cidade-mais-justa-o-palacio-da-justica-de-gouveia  Para saber mais sobre o projecto do Palácio da Justiça de Gouveia, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos.  Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt  --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“A arquitectura tem, naturalmente, muitas expressões e, em certo sentido, não tem limites. É infinita.” (Adalberto Dias)  À conversa com o arquitecto Adalberto Dias procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do projecto do Funicular dos Guindais.  Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/02/15/p3/noticia/adalberto-dias-funicular-guindais-arquitectura-movimento-1995540  Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/976828/infraestrutura-urbana-e-geografia-entrevista-com-adalberto-dias   Para saber mais sobre o projecto do Funicular dos Guindais, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos.  Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt  --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“Na Arquitectura, o nosso papel como arquitectos, é respeitar absolutamente e dignificar a vida tão frágil daquelas pessoas... e projectar para aquelas pessoas como projectamos para qualquer pessoa. Este pensamento de que «aquelas pessoas não merecem uma arquitectura tão boa» é algo que nos deixou profundamente chocados.” (Carlos Antunes)  À conversa com os arquitectos Carlos Antunes e Désirée Pedro, do Atelier do Corvo, procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel dos arquitectos, os processos e as referências de trabalho, através da Casa de Saúde Rainha Santa Isabel.  Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/02/09/p3/noticia/carlos-antunes-desiree-pedro-casa-saude-rainha-santa-isabel-cidade-1994663  Parte da transcrição encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/976540/arquitetura-e-saude-mental-entrevista-com-atelier-do-corvo  Para saber mais sobre a Casa de Saúde Rainha Santa Isabel, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos.  Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt  --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
"Uma das principais respostas que a arquitectura tem que dar é a resistência. A resistência que não é só uma resistência física. É também uma resistência programática. Nós já não podemos fazer edifícios que se tornam obsoletos num instante porque a sua função está ultrapassada." (Manuel Aires Mateus)  À conversa com o arquitecto Manuel Aires Mateus procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do edifício da EDP.  Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/01/12/p3/noticia/manuel-aires-mateus-edificio-edp-nao-desenhavamos-luz-sim-sombra-1991607  A transcrição integral encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/974787/sede-da-edp-e-a-transformacao-urbana-de-lisboa-entrevista-com-manuel-aires-mateus  Para saber mais sobre o edifício da EDP, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos.  Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“O desafio deste projecto... e falo como arquitecto e como projectista, mas na verdade o desafio é um desafio muito maior. O desafio, além de ser o de concluir um palácio passados 220 anos, como referiu... E nestas circunstâncias, depois de todos estes acidentes, depois de todos estes episódios que já mencionei e que são trágicos... existe o aspecto muito importante que é o de poder, pela primeira vez, expor uma colecção que nunca foi vista.” (João Carlos Santos)  À conversa com o arquitecto João Carlos Santos procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do Museu do Tesouro Real.  Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2022/01/05/p3/noticia/joao-carlos-santos-museu-tesouro-real-caixaforte-quase-caixa-joias-1990702  A transcrição integral encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/974565/intervindo-em-museus-historicos-entrevista-com-joao-carlos-santos  Para saber mais sobre o Museu do Tesouro Real, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos.  Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt  --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“Mas penso que o edifício é um instrumento e, portanto, cumpre também uma função no sentido de... Não sei se “facilitar” é a palavra correcta... Mas no sentido de contribuir para a eficiência e para o tempo em que ocorrem essas investigações e do modo como correm essas investigações.” (João Pedro Serôdio) À conversa com o arquitecto João Pedro Serôdio procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do Instituto de Investigação e Inovação em Saúde (i3S). Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2021/12/28/p3/noticia/joao-pedro-serodio-i3s-edificio-nao-apenas-maquina-1990086  A transcrição integral encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/974495/forma-e-funcionalidade-na-arquitetura-para-a-saude-entrevista-com-joao-pedro-serodio  Para saber mais sobre o i3S, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos.  Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
“O que aprendemos com isto foi mesmo a importância da arquitectura e do papel da arquitectura que pode ter na transformação. Ou seja, verificamos como é que um pequeno equipamento e um investimento público podem trazer dinamismo. Fazer a diferença, no fundo.” (Pedro Azevedo)  À conversa com os arquitectos Pedro Azevedo e Susana Rosmaninho procuramos explorar a missão da arquitectura e do papel do arquitecto, os processos e as referências de trabalho, através do Centro Interpretativo do Vale do Tua.  Também pode aceder ao resumo da entrevista, no Público: https://www.publico.pt/2021/12/21/p3/noticia/susana-rosmaninho-pedro-azevedo-centro-interpretativo-vale-1989448  A transcrição integral encontra-se no website da ArchDaily: https://www.archdaily.com.br/br/973878/intervencao-no-patrimonio-ferroviario-entrevista-com-susana-rosmaninho-e-pedro-azevedo  Para saber mais sobre o projecto dos arquitectos no Centro Interpretativo do Vale do Tua, ambas as publicações ilustram os artigos com fotografias e desenhos.  Acompanhe-nos na nossa morada habitual: www.buildingpictures.pt --- Send in a voice message: https://anchor.fm/no-pais-dos-arquitectos/message
Comments 
Download from Google Play
Download from App Store